Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble

JoaoW

Senior Members
  • Content count

    108
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

86 Neutro

About JoaoW

  • Rank
    Participante
  • Birthday 11/06/1982

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Uberlândia, MG
  • Equipamento
    Mokas Bialetti, Aeropress, Pressca, Filtro Bodum de Titânio, Coador Melitta, Nespresso, Hario Slim

Recent Profile Visitors

218 profile views
  1. Pois é @ricardorg , é de um "naipe" superior, não? A torra é um pouco mais escura sim, acho que porque é o bruzi é pensado pra espresso, e além disso acho que as marcas optam pelo descafeinado com torra mais escura ou por alguma particularidade do processo (talvez pra matar o gostinho ruim que o Unique mais claro acaba apresentando? rs), ou então para ir mais ao encontro do que um público maior está acostumado, já que o descafeinado acaba saindo mais caro pra eles também, e tem que vender. Mas mesmo com essa torra, dá pra perceber que o Bruzi decaf um gosto melhor. De todo modo, esse Unique eu não consigo aceitar, vou acabar comprando de novo até achar algum jeito que ele fique bom... Porque a torra é bem bonitinha né, e gosto muito dos cafés da marca (frutado, bleng, orgânico, bourbon amarelo etc...). Uma hora consigo fazer dar certo rs Outra coisa notável é que o nosso paladar vai mudando... Fui tomar o "Alma Pura", decaf da Minas Estate Coffee, de que gostava bastante (e é mais barato que o Bruzi decaf), e agora estou achando bem mais amargo... Eeeeê com esse paladar "de rico" vai complicando rs!!!
  2. Moka: como eu faço

    Deve ser, @LUANSOFISTE . Na minha Bialetti isso nunca aconteceu, e tenho várias. E por muito tempo usei na barbeiragem, pó de supermercado etc., meio errado, mas esse problema não tive.
  3. Hario V60

    Aproveitando, tem algum tópico sobre "coador de pano" como método em geral? Estou me interessando e gostando do resultado, mas não sei as peculiaridades / técnicas que o pessoal segue a respeito...
  4. Hario Skerton

    Valeu @Luis Paulo, vou dar uma pesquisada e pensada! @Allexlimaa2 , pois é, esse Bravo Mini é o sonho de consumo, mas tenho que pensar um pouco porque não faço espresso, e a moka é até bem tolerante com a moagem, é o mais fino a que chego. Para AP, prensa e outros métodos, que uso com frequência, é bem mais grosso, e aí é rapidinho. Fica duro convencer a mulher que botar uns 1300 paus num outro moedor é algo que faz tanta diferença rs Vi que agora tem uma base, que deve deixar melhor - mas mais caro - ainda... Aí complica rs
  5. Hario Skerton

    Pessoal, uma pergunta, não sei se cabe aqui ou não; se tiver tópico mais apropriado, por favor moderadores sintam-se à vontade para deslocar o post. Dos moedores manuais mais em conta (pelo que vejo aqui, colocaria o Hario Mini, Skerton, Porlex), algum deles moi consideravelmente mais "rápido" que os outros - isto é, menos voltas? Pessoal, uma pergunta, não sei se cabe aqui ou não; se tiver tópico mais apropriado, por favor moderadores sintam-se à vontade para deslocar o post. Dos moedores manuais mais em conta (pelo que vejo aqui, colocaria o Hario Mini, Skerton, Porlex), algum deles moi consideravelmente mais "rápido" que os outros - isto é, menos voltas? Tenho um Hario Mini e gosto dele, mas para moer um pouco mais fino (de moagem "10 cliques" para baixo, uso 9 para moka), haja tempo e voltas... Não é questão de força, é tempo mesmo e cansaço por repetição. Por acaso o Skerton ou o Porlex são (consideravelmente) mais eficientes a esse respeito? Vejo por aí que o Bravo Mini seria o ideal, mas no orçamento não cabe, a questão é se me conformo com essa limitação mesmo ou se há alguma alternativa viável dentre os manuais mais baratos.
  6. Cafeterias em Uberlândia - MG

    Ele estava nos falando no encontro que está pensando em deixar de fazer o espresso, que os custos não compensam. Seria uma pena, pois eu por exemplo só tomo o espresso fora de casa...! Tomara que mude de ideia rs
  7. Cafeterias em Uberlândia - MG

    Falando nisso @Miguel de Paula , já fiz em vários métodos aqui em casa o Curto Café com que me presenteaste. Muito gostoso, de vários modos - o que preferi foi a Aeropress. Obrigado!
  8. LINKS da BLACK FRIDAY

    Pô não conhecia a Stanley, fui lá ver comprei uma térmica menor "one hand", estava precisando para servir o café "remexido" (infusão com base no sweet spot e coada no coador de pano) perdendo menos temperatura. Valeu pela dica @Allexlimaa2 !
  9. Fellow Prismo

    Eu tenho umas canequinhas de ágata (esmaltadas) de 70 ml, acho que devem aguentar também... Vamos ver rs... Mas decerto vou fazer uma ou duas vezes só, vai muito café para uma dose. E não tenho moedor pra fazer 20g mais fino que a moka rs
  10. Fellow Prismo

    Tens alguma fotinho ou link para essa canequinha @Vitor Costa ? Fiquei curioso...
  11. Fellow Prismo

    Eu encomendei o meu, mas já pedi pra eles pra adiarem a entrega pra não correr o risco de o carteiro dar com a cara na porta nas férias, já que fico fora pro natal e início do ano... A princípio comprei pensando nesse "espresso fake", mas mal conhecia a aeropress. Meu maior receio é ficar quebrando xícaras e copos por aí, já que umas receitinhas de "aeropresso" que fazia exigem muita pressão... Os próprios caras da Fellow advertem que se for fazer com copo fininho o risco de acidente é grande, então é que precisa fazer força. A propaganda de que dá pra usar um copinho de shot me parece meio estranha por isso, esses copos aguentam? Tenho um da DeLonghi de parede dupla, e se precisar de muita força ali, bau bau... Hoje que já estou mais habituado e conhecendo um pouco mais de café e melhorando meu paladar, acho que o Prismo vai ser bom pra evitar a "girada" do invertido da AP e para ter um filtro metálico (e parece que dá pra botar o papel em cima do Prismo também). Se for isso já está de bom tamanho... Mas vamos ver.
  12. E aí @J. Coffee , a questão da moagem no manual não é tanto questão de força, na verdade até que tenho uma forma física bem razoável rs, é mais o tempo mesmo e a repetição que incomodam um pouco. Gosto do ritual de moer no manual, acho que isso dá uma valorizada em todo o preparo, mas vou até os 9 cliques no Hario Mini, no máximo - média fina, para a moka, que é como gosto. Para coados, aeropress, infusões etc. vou até uns 11 cliques. Mas um dia desses vou dar uma olhada nessa em 2 etapas, a questão só é que para moer fininho ali demora, mesmo levinho, e aí começo a questionar a razão da vida, os porquês do universo, etc rs. Mas de todo modo, com 11 cliques ali estou ficando muito satisfeito e surpreso com a técnica, meu copo térmico está pra chegar agora mas mesmo com recipientes "meia boca" na perda de temperatura, gerenciando vários escaldamentos iniciais, estou tendo ótimos resultados com vários cafés, adotando um tempo total de 13 min (começo a contar depois de mexer umas 20x no início e logo antes de começar a coar, o que deve dar na prática os 14 mesmo), e agitadas a cada minuto. A tendência é só melhorar. E com 11 cliques o coador de pano está segurando superbem os resíduos, então vale a pena e ainda passam uns óleos. E a tendência é melhorar, somente...
  13. E aí @Vitor Costa, é que cabe mais na pitcher rs e queria ver mesmo quanto perde de calor, estou testando mesmo, em condições de guerra rs
  14. Bem, seguindo as dicas estou começando os testes, moagem 11 cliques no Hario (arm and time-friendly), água eu boto fervendo numa pitcher já bem escaldada (não tenho copo térmico ainda, está chegando), medi e dá uns 82 graus de temperatura, aí mexo bastante, e começo a contar. A cada minuto uma agitadinha. Por enquanto estou fazendo com 12 minutos o processo final pra padronizar, coo tudo com um coador de pano fervido, fica bem pouco resíduo. Como estou tentando entender o negócio ainda, fiz com um café bem do meia boca (torra média pelo menos), e com um descafeinado que a torra é mais escura, faço ele na moka comumente e ele tem um amargorzinho no fim. É surreal, o café meia boca fica tomável, o outro decaf sem amargor algum, docinho, algo completamente diferente. Dei pra minha mulher provar o segundo falando "vê se ficou amargo", e ela que tem menos paladar ainda que eu tomou, e mesmo sugestionada pra achar o negócio amargo, falou "olha, está outra coisa, amargo não está não". Quando tiver um copo térmico e reduzir a perda de calor e usar um café melhor, então... Vai ser o ouro essa parada rs
  15. Cafeterias em Uberlândia - MG

    E aí @Miguel de Paula e @imigrate ! Foi ótimo nosso papo e encontro ali no Café Calin com o Maurício! Uma coisa boa do café, além de propiciar ótimas experiências sensoriais, é esse lado social, agregador. Foi um prazer conhecê-los pessoalmente! Bem, agora podemos usar esse tópico aqui para eventualmente marcar outros quando o pessoal estiver na área... O Maurício falou também que vai entrar no fórum, falar dele para outros apreciadores do café, então aos poucos vamos criando uma tradição, quem sabe...? Acho que podemos chamar esse de I Encontro da ala uberlandense do Clube do Café, pelo menos não sei se já houve outros rs
×