Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble

fpiona

Members
  • Content count

    8
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

6 Neutro

About fpiona

  • Rank
    Novato
  • Birthday 11/29/1979

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Recife-PE
  • Interests
    Torra Doméstica, Preparação de Café, Grãos Crús, Equipamentos
  • Equipamento
    Pipoqueira, Moedor Breville, Hario Canister, Pressca, Moka, V60, Aeropress, Nespresso e BC Roaster

Contact Methods

  • Skype
    fpiona_vix

Recent Profile Visitors

43 profile views
  1. Recebi o meu forno no dia 03/11 (Sexta) e chegou perfeito. Além disso, adquiri 6kg de café do amigo Beto. Com as instruções enviadas, o processo de fica muito simples de ser realizado e basta ter uma noção basica de torra, para fazer um Batch bem sucedido. Obviamente, é bom saber da matéria prima que tem em mãos, no caso os grão crús, para aplicar ao perfil de torra apropriado. Com esse forno, fica difícil você tostar o grão, só se você não tiver nenhuma intimidade com o processo. Além disso, recomendo que tenham em mãos os seguintes itens: - Termômetro de Haste; - Balança Digital; - Ventilador portátil (Pequeno); Entendo que seja o básico para você começar o processo. Necessidade de demais equipamentos, a sua aprendizagem e experiência vão lhe dizer. Aquisição do forno altamente recomendada. Aproveitem pois logo vai acabar. Um Abraço, Fabio https://www.youtube.com/watch?v=QXZ-A5CxguA
  2. Como lidar com torras escuras?

    O padrão que venho adotado de torras mais escuras, após a moagem, a cor do pó fica como Cacau puro. Amargor é uma sensação que muitas pessoas gostam, vejo isso porque os meus "beta testers" lá do trabalho tem me ajudado bastante na calibração, pois estou usando um grão arábica não especial e com um quantidade de defeitos, que faço questão de remover antes de torrar, pois não é por isso que vou desvalorizar o produto final. Alguns colocam açúcar pelo hábito e sempre encorajo eles a beber sem açúcar, que no fim dá um amargor e é um bom preparo antes de apreciar um doce, para formação do contraste entre o doce e o amargo. Para concluir, só acho intragável quando a torra lhe dá um sabor adstringente e deixa a boca seca. Mas o amargor não é um mal sinal para alguns gostos e quando é permitido saborear o café sem açúcar.
  3. Hoje pela Madrugada, fechei negócio com o mais novo amigo beto-o e estou ansioso para receber o forno para aperfeiçoar o meu processo de torra. Depois vou postar a chegada do forno, bem como a primeira torra.
  4. Torra em função da temperatura

    Prezado Lourenço, Tudo bem ? Onde você conseguiu adquirir a peneira Pinhalense ? Se puder me indicar, agradeço. Um abraço
  5. Guia iniciante de graus de torra

    Boa Noite Pessoal ! Estou ressuscitando este tópico. Estou na minha 6ª torra, até antes dela estava somente com o método de monitorar a coloração e ouvir os cracks, cronometrando com o tempo. Hoje, adquiri um termômetro de haste e passei a semana lendo sobre as classificações de torra, na qual me habituei com as classes e a escala Agtron. Antes dessa torra, cheguei numa torra Viena, onde os grãos ficaram bem brilhosos/escuros e havia muito oléo na pipoqueira manual (Panela). Esperei esfriar e fui muito precoce na moagem fina. Para experimentar o resultado, usei a Pressca para fazer um cafezinho na pressão e obtive uma bebida com doçura/amargor. No fim, ficou um amargor bom e tolerável. Enfim, uma bebida que pode ser apreciada sem açucar e foi super aprovada lá no trabalho (Uso meus colegas de cobaia rs). Eles colocam açucar, porque o pó normalmente utilizado é de supermercado e bem adstringente. Com o meu café, eles colocaram açucar mas sentiram a diferença do normal e elogiaram muito. Não estou utilizando um café gourmet, mas é 100% arábica com uns 15% de defeito, que foram retirados por mim manualmente, no olhômetro. Na torra de hoje, fiquei entre a Full City e Full City +Roast, pois não tive tanto óleo liberado na panela e a fumaça foi moderada.Uma coisa que digo é que com o ferramental utilizado por mim para a torra, foi muito difícil medir com o termômetro, sincronizar o movimento da pipoqueira e fazer a inspeção visual/auditiva nos grãos. Pra torrar com temperatura, é necessário um equipamento melhor, até elétrico e que possa mexer os grão de forma constante, pois aí você se concentra na medição e na inspeção. Estou em negociação para adquirir um BrotherRoaster, feito pelo beto-o, no qual tive bons reviews e críticas. A cada torra aprendo mais empiricamente e com as sábias contribuições dos colegas desse fórum. Você são demais ! Um abraço
  6. Moinhos tipo Mimoso

    Boa Noite Galera ! Realmente estou muito entusiasmado com os Posts sobre moinhos e também possuo o Botini nº3. Comprei na cara e coragem, pois queria um moedor elétrico pela praticidade e não tinha disponível para comprar em Lojas físicas. A questão da regulagem não é difícil, é manual e se perde algumas gramas com isso. Depois que tomei conhecimento sobre a questão dos moedores de lâmina, descartei a possibilidade de adquirir esse tipo. Falando sobre dificuldades pelo tamanho/peso, eu moro em apartamento e o único local que tenho para apoiá-lo é numa mesa de madeira, onde coloco uma toalha embaixo do moinho para não estragar a mesa. Quando faço a torra, fico tão empolgado pra moer e experimentar o café, que as dificuldades nem se ressaltam. rs Eu estou na "pilha" pra comprar um moedor Breville, mas também quero comprar uma Cafeteira Oster PrimaLatte e vou priorizar a segunda, depois dos comentários positivos sobre o Botini. Um abraço
  7. Pressca, Alguém conhece?

    Olá Pessoal, Mais um novato chegando na área. Também adquiri a Pressca e a minha experiência até o momento com ela está sendo muito boa. Sobre os comentários das experiências com a mesma, todo produto tem as suas nuances e o seu período de adaptação. De fato, o Marketing elaborado para o produto faz você não ter barreiras para adquiri-lo e tenta demonstrar uma super facilidade em usá-lo. Na prática, não é bem assim mas não achei difícil, apenas uma questão de costume e seguir estritamente as recomendações de uso. Digo isso, porque tive uma "desventura" com ela, pois coloquei uma quantidade maior de pó e talvez a vedação da tampa de baixo, fizeram o café voar pra todos os lados. rs Fora a vergonha que passei lá no trabalho, todo sujo de café. Ainda bem que era uma sexta, quase no fim do expediente. Um abraço
  8. Olá Roberto, Estou inaugurando a minha participação e o primeiro post pois quero adquirir a sua genial invenção. Ainda tem disponível ? A tensão é 220v ? Quanto fica enviar para o CEP 52050-500 ? Fico no Aguardo. Um abraço
×