Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble

Search the Community

Showing results for tags 'ECM'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Café
    • Leitura Obrigatória
    • Café Torrado
    • Torra Doméstica
    • Cafeterias
    • Quando o Assunto é Café!
  • Equipamento
    • Técnicas e Dicas
    • Moedores
    • Máquinas de Expresso
    • Coado e afins
  • Dúvidas de Iniciantes
    • Dúvidas de Iniciantes
  • Outros Assuntos
    • Classificados
    • Fora de Foco
  • Informações
    • Novidades e Sugestões
    • Tutorial
  • Fotos, Fotos, Fotos...
    • Fotos, Fotos, Fotos...
  • Buscafé

Found 9 results

  1. Salve Consegui retornar depois de muito tempo... Estou com uma ECM Mechanika V SLIM 220V nova para venda. Já está aqui no Brasil, em São Paulo. Veja em nosso site, clicando no link abaixo: https://cafeexpressobrasil.loja2.com.br/8610340-0113-2-ECM-MECHANIKA-V-SLIM-220V
  2. Pessoal, Na ausência de um espaço mais apropriado no fórum para discussões, dúvidas e troca de experiências entre os proprietários e futuros proprietários de máquinas ECM, bem como para os interessados por máquinas de café expresso em geral, achei por bem abri este tópico, tendo em vista o crescimento gradual desta conceituada marca em nosso país. Ontem resolvi fazer a ligação de minha Technika IV Profi WT-WC diretamente na rede hidráulica, objetivando uma melhora operacional no uso do equipamento com o ganho da pré-infusão, a redução do uso de água mineral, tendo em vista a necessidade constante de flashes quando a máquina passa um bom tempo ociosa para um melhor controle da temperatura e deixar de ter a necessidade de enchimento periódico do seu reservatório de água. Quando da execução da ligação direta de água, uma vez que a cozinha do meu apartamento não foi preparada adequadamente para receber uma máquina de café, tive algumas dificuldades e surpresas durante a instalação. A primeira dificuldade foi estética, uma vez que há cerca de um ano e meio fiz uma reforma no apartamento e não queria mais fazer nenhuma quebradeira nele neste momento, então tive que abri mão da beleza arquitetônica deixando filtro, válvula redutora de pressão e cabo flexível para condução da água à mostra. A esposa não gostou nenhum pouco, mas acabou cedendo aos meus apelos. A segunda foi relativa a escolha do filtro e essa foi a menos complicada ficando minha opção pelo filtro 3M Aqualar AP200 (http://solutions.3m.com.br/wps/portal/3M/pt_BR/Aqualar/Home/ProdAqualar/FiltrosAqua/Ap200/). A terceira foi relativa ao controle da pressão da água que seria enviada para a máquina, tendo em vista que meu apartamento encontra-se no 9° andar de um prédio de 14 andares, sendo o último uma cobertura equivalente a dois andares, e o fabricante exige uma fonte de água com a pressão oscilando entre 0 e 1,5 bar. Como tive dificuldade com mão de obra qualificada e não queria correr o risco de comprometer o equipamento, optei por adicionar na ligação direta a instalação de uma válvula redutora de pressão (http://www.asolar.com.br/detalhe-produto.php?id=76), comprometendo ainda mais a questão estética. A válvula por ser bastante pesada vai requerer o uso de uma presilha para segurar o conjunto filtro / válvula que deverei instalar na próxima semana. Por enquanto estou utilizando um calço provisoriamente. Concluída a instalação e ajustada a máquina para uso com ligação direta na rede hidráulica, a pressão da caldeira ao ser ligada oscilou entre 1,0 e 1,5 bar, como exigida no manual e estabilizou-se em torno de 1,25 bar. No entanto, para minha surpresa de leigo na tecnologia aplicada às máquinas de café, observei que o manômetro que mede a pressão da bomba apresentou a indicação de 1,0 bar quando a máquina está desligada ou ociosa, antes era zero, e indicou 10,0 bar de pressão durante a extração do café, anteriormente apresentava 9,4 bar. Como ultimamente não vinha observando as indicações do manômetro da bomba, não sei dizer ao certo se este comportamento passou a ocorrer antes ou depois da instalação na rede hídrica. Como não sou grande conhecedor sobre o funcionamento de máquinas de café expresso em geral e, particularmente, das máquinas ECM, achei que este ganho inicial poderia ser por conta do ganho da pré-infusão, mas ao mesmo tempo a fase de infusão subiu de 9,4 para 10,0 bar o que, creio, não seria normal. Desta forma, peço ajuda com relação a este pequeno ajuste que fiz na máquina no sentido de saber se é normal este comportamento, se pode ter havido algum erro na instalação hidráulica, apesar de ter seguido todas as instruções contidas no manual do fabricante, ou se após a instalação hidráulica seria necessário efetuar um ajuste na pressão da bomba manualmente trazendo-a para próximo de 9,0 bar, uma vez ser normal este incremento de pressão por conta da ligação direta, tendo em vista que as máquinas ECM permitem esta intervenção manual do usuário na regulagem da pressão da bomba. Agradeço desde já a colaboração de todos, Murilo
  3. ECM BARISTA & EU Depois de muitos anos, finalmente tenho uma máquina de espresso em casa! Já namorava a ECM faz uns quatro anos, mais ou menos. Quando comecei com a idéia de ter uma máquina profissa, o plano original era ter uma Classika PID. Há uns três anos atrás estava tudo pronto para a máquina sair, suados caraminguás na mão e tudo mais. Mas então uma maldita chuva de pedras me obrigou a reavaliar minhas prioridades. Com isso, a sonhada máquina de espresso voltou para o fim da fila… Felizmente esse ano as coisas melhoraram e consegui firmar uma parceria com a minha Comandante Executiva Suprema (CES). Verdade, sou apenas meio-dono da máquina. E como obtive essa parceria, foi possível fazer um upgrade de Classika PID para Barista. E com PF naked logo de cara! ACESSÓRIOS A Barista vem com dois PF, de um e dois bicos, e três filtros, um simples, um duplo e um cego. Eu pedi também um PF naked que veio com um filtro grande (dá para fazer um balde de espresso). A máquina veio também com essa escovinha e um tamper de plástico a princípio sem-vergonha mas 100% eficaz. O manual é meio simplório, mas não levem isso muito em consideração pois a máquina é simples e eu sou daqueles que gosta de manual tipo bíblia. Para terem uma idéia, eu li o manual três vezes. Antes da máquina chegar. ACABAMENTO Talvez essa seja a maior característica da ECM. A máquina é sólida. É um tanque de guerra de tão sólida. O chassis dela é inteiriço e todo de aço, o que contribui para seus 23 kg. A impressão que tenho é que é aparelho para toda a vida, mesmo não sendo exatamente cuidadoso no seu uso. E eu particularmente gosto MUITO de qualquer aparelho ou ferramenta que é feito para durar. Em termos de tamanho é bem compacta, com 33,5 × 44,5 × 40 cm, portanto não é um monstro devorador de espaço na bancada. E por causa do acabamento, ela impõe presença. O acabamento da máquina é impecável. Toda cromada, ela chama a atenção, tanto pela beleza como pela fabricação. É “bem feita”, com esmero e tudo caprichado. Para quem não conhece máquinas de espresso acha que é “máquina de cafeteria”, como já me falaram. A drip tray é BEM grande, e muito importante, bem fácil de pôr e tirar. Dá para fazer muito café com flushes sem se preocupar. Li um review no Home Barista de alguém reclamando que na sua Classika PID a grade e/ou a drip tray estavam causando lambança. Na minha Barista não tem sujeira, o que acontece é apenas um pouco de respingos de água (e às vezes até de café) na frente da travessa e no bico de expurgo. OPERAÇÃO Não vou entrar em detalhes sobre como tirar um shot nela pois esse texto não é um tutorial sobre a máquina, apenas um review dos pontos que considero importante. Mas como falei antes, é uma máquina de operação simples, e qualquer um com um mínimo de conhecimento sobre espresso e café (e com um bom moinho!) faz miséria nela. Obviamente que tem alguns limites, mas 9 entre 10 usuários conseguiria tirar um espresso MUITO bom com ela. Vou citar o exemplo da minha esposa e CES. Apesar de gostar muito de café, não é nem um pouco curiosa/estudiosa/metida-a-barista-besta como seu singelo esposo. Mesmo assim, com o moinho previamente acertado (e o Super Megmaster Tamper Dinamométrico do Gil), tirou um shot excelente esses dias. E além de operação simples, é rápida. Desligada e fria (à temperatura ambiente de uns ~20ºC) até estar com a caldeira em 1 bar e grupo pelando, leva apenas de 20 a 25 minutos. E se uso de manhã cedo, quando ligo de novo na hora do almoço, leva apenas uns 10 a 15 minutos para estar pronta. Seria por causa da caldeira de cobre (2,1 l)? O tanque de água, com seus 3 litros de capacidade, tem volume suficiente para quase exigir um refil semanal apenas. E olha que estou fazendo café como um cafeicômano nessa última semana. E isso sem dó de fazer flushes entre shots e para limpar o grupo. VAPORIZAÇÃO Punk. Faz MUITO vapor. Por enquanto só experimentei mesmo, não posso dizer que usei, pois ainda estou 100% focado em aprender a parte do café. Contudo, nos poucos testes que fiz, a Barista produz bastante pressão e volume de vapor. Até me lembra o que vejo na GB5 da La Marzocco. Obviamente que aqui o fôlego será bem mais curto, mas para aerar uns dois pitchers de leite (= 4 a 5 cappuccinos) dá e sobra. O QUE EU MUDARIA Falta um cronômetro. Antes achava que era desnecessário, mas um cronômetro embutido como o que vem na Classika PID iria MUITO bem. Não é fundamental mas seria um algo a mais que ajuda no controle das extrações. Vou comprar um (modelo de garbo e elegância, obviamente) para deixar na bancada, mas adoraria um automático instalado na máquina. Algo que talvez valha a pena pensar em um upgrade é o chuveiro. Pelas fotos que vi de outras marcas, tenho a impressão que poderia haver uma melhor distribuição da água. Como a troca da tela é muito simples e (acredito que) a tela de chuveiro não é muito cara, estou considerando encomendar uma. Porém, não esqueçam que essa é a minha primeira e única máquina, portanto talvez isso seja desnecessário. PID eu sinceramente acho que não faz falta, pois termicamente é bem estável. Obviamente que alguém com paladar mais apurado vai notar diferença dos pouquíssimos graus de flutuação, mas acho que para 98% da população de entusiastas isso não faz falta. Termômetro no grupo acho que também é desnecessário. Até pensei em comprar um, pois parece ser bem fácil de instalar, mas tendo em vista a qualidade dos shots que a Barista oferece, acho que não precisa. Fora que deixa a máquina mais feia (garbo e elegância, sempre) portanto isso está fora dos meus planos por enquanto. POST SCRIPTUM Estou muito satisfeito com a máquina. Tipo porco na lama em dia de sol, sabe como? Escolhi a ECM obviamente por causa do preço e disponibilidade, mas qualidade e acabamento era a condição sine qua non. Pelas dezenas de fotos, reviews e filmes que vi das máquinas da ECM, já sabia o que esperar, mas sinceramente me espantei quando chegou. O acabamento dela não é o que eu esperaria encontrar em uma máquina muitas vezes classificada como “de entrada” lá fora. Comparado com máquinas no padrão GB5 e GS/3 da La Marzocco, a Barista não fica atrás, nem um pouco. Fora a parte de engenharia, também estou muito satisfeito com o resultado na xícara. Ainda estou literalmente aprendendo a usar, mas é comum eu tirar shots excelentes. Notei, contudo, que para tirar shot excelente não é só ligar, pôr café e levantar a alavanca. A excelência exige um certo ajuste e experimentação na hora. Mas o que importa é que se você tiver um pouquinho de conhecimento do que está fazendo vai tirar shots nota 90 no mínimo, 100% das vezes. E não posso me furtar de comentar isso. Acredito que a maioria dos casais, quando faz aniversário de casamento, vão viajar, ou pelo menos jantar fora em um restaurante de garbo e elegância. Já eu e minha esposa, que comemoramos 18 anos de casado agora dia 23/09, ao invés da viagem, compramos uma máquina de espresso. E almoçamos em casa, com as crianças .
  4. Para os que tem ou conhecem bem a Classika PID, se importam em sanar algumas dúvidas? Quanto tempo leva entre ligar a máquina e ela esquentar o suficiente para tirar o primeiro shot? Após tirar um shot (simples ou duplo), é preciso esperar alguma coisa para tirar o próximo? O que é mais negócio, fazer primeiro o espresso ou aerar o leite? Se for fazer cappuccino, quanto tempo leva para fazer uma segunda xicara, entre esperar a temperatura normalizar e flushes? É de fazer lambança em volta? Ela vem com PF duplo, simples e naked?
  5. Salve Classika PID 120V nova, na caixa e com garantia. Pronta entrega/remessa. Apenas 1 unidade. Informações por inbox. http://cafeexpressobrasil.loja...-II-PID-PRONTA-ENTREGA-REMESSA
  6. Upgrade ECM Classika II PID

    Recentemente encontrei o anuncio da Clive Coffee , vendendo a Classika que ele chamava "special edition" : https://clivecoffee.com/product/clive-classika-pid-espresso-machine-by-ecm-polished/ A maquina vinha com o joystick da Technika , tamper , PF naked e pintura nas laterais e traseira , pintar acho que desvaloriza a maquina , mas eu vinha pensando em trocar a valvula pelo joystick , e aproveitei comprei com o Alexandre a sobre bandeja da Synchronika , que eles chamam de "Drip Tray Cup Riser" , o material chegou sexta. A troca é basicamente porca e parafuso , vai ser necessario chaves allen e chaves de boca e de caixa tamanho 17 , mas tem que ter cuidado para não arranhar as coisas Uma vez a valvula retirada a gente instala o braco original da Classika no joystick A maquina com a bandeja e o joystick ficou muito legal o novo cantinho sem o Preciso (vendido) e com o Nemox de volta
  7. Meus caros colegas movidos à cafeína, é com grande alegria que neste final de semana finalmente chegou minha máquina a ECM Mechanika, como diz a Anita a Ítalo-Tedesco, pois é de engenharia alemã e fabricação na italiana. Foi um longo período de espera, máquina importada pelo nosso amigo Alexandre e tivemos alguns problemas na importação devido ao excesso de peso ao qual ultrapassou os 30kg mesmo dividindo em 2 volumes quando chegou ao Brasil queriam mandar de volta alegando o excesso de peso, o Alexandre teve que correr atras e coitado não foi fácil pra ele, é só chegar as coisas aqui no BR para a burocracia começar a atrapalhar tudo, mesmo fazendo de forma legal com os devidos pagamentos fiscais, uma caixa foi para o RIo a outra para São Paulo, depois queriam cobrar um valor a mais de impostos na outra caixa, foi um tormento, mas no fim deu tudo certo. O modelo escolhido é uma HX com conexão para rede hídrica ou uso do reservatório de água, bomba rotatória Fluid-O-Tech, caldeira em aço inox, controle de válvulas por alavanca, manômetros para bomba e caldeira com grupo ECM E61. Mas vamos ao que interessa, os testes que fiz no final de semana, foi com um pacote do café Orfeu fechado e já um pouco velho com torra com mais de quase 50 dias, mas como era para teste não quis usar os mais recentes. O que mais me preocupava nas HXs era o controle da temperatura e o tempo de expurgo que vi alguns vídeos na internet com máquinas similares demorando 10, 15 segundos o que achei muito e nisso ela me surpreendeu demais, mesmo depois de 3 horas ligada sem uso quando dou o expurgo questão de poucos segundos a "dança da água" estabiliza, a borbulha da água cessa, eu não marquei o tempo mas creio que uns 5 segundos já basta para o expurgo e mandar ver no shot. Tempo para aquecimento inicial, essa eu deixo para o Alexandre, não cheguei a marcar mas dá-se a impressão que 30 minutos já está tudo completamente aquecido. Como é bom lidar com esses filtros comerciais, ficou tudo tão fácil, alinhamento do pó, compactação, bater a borra que sai seca e com facilidade, estou utilizando o tamper calibrado em 13kg da Espro e depois de regulado o moinho para dar o brew/ratio adequado não tem mais erro, é um shot certo atras do outro. Sabia que iria me arrepender se não escolhesse a versão com a bomba rotatória, dito e feito, acertei na escolha, a bomba é muito silenciosa, escuta somente o café caindo com uma suavidade, cremosidade que é fantástico, parece que é diferente a extração em relação a vibratória, não quero mais máquina com bomba barulhenta e que fica vibrando as xícaras rsss A parte superior que aquece a xícara tem uma temperatura ótima, antes esquentava as xícaras com expurgo ou no microondas, agora basta deixar em cima da máquina que já sai bem quente. Sobre a vaporização, tentei 2x em uma pitcher muito pequena, de 400ml (utilizando uns 150 a 200ml de leite) e o vapor é bem forte e não consegui domar ainda, o correto seria pegar a pitcher de 600ml mas não quis ficar estragando leite e jogando fora, mas deu para perceber que a vaporização é excelente e com pouco leite fica difícil conseguir o ponto ideal, talvez ainda é falta de prática e só fiz 2 capuccinos até o momento, o vapor sai frio, você pode colocar a mão na frente que não queima. Estabilidade excelente, shot um atras do outro sem o menor problema, mas meu irmão fez um onde a máquina ficou tempo inativa e ele esqueceu de dar o expurgo inicial, queimou o café. A máquina acho esteticamente muito bonita, toda em aço inox, veio com 2 porta-filtros, 2 filtros (14 e 7g) e 1 filtro cego para backflush, comprei mais um porta filtro naked da ECM juntamente com o filtro para 21g, as pessoas que viram a extração no PF naked ficaram deslumbradas. Vocês sabem da minha busca por uma máquina que fosse definitiva, andei pesquisando muito, li inúmeros reviews sobre ela ai pra fora, nos EUA tem pouca coisa pois me parece que faz pouco tempo que está sendo distribuída por lá, é mais na Europa, mas todos que li foram positivos e recomendando a máquina. Então como tinha o Alexandre que é o representante oficial, nos dá a segurança da garantia e assistência não teve erro (já tinha comprado o Vario com ele), pra mim foi uma compra mais que acertada e sobre o vendedor não tem nem o que falar como ele age de forma correta, pessoa do bem mesmo, tem que ser alguém de confiança pois é uma quantia relativamente alta e pagamento de forma adiantada, não foi fácil nem para ele importar essa máquina devido a burocracia aqui, foi a primeira a chegar ao Brasil. Agradeço a ele e espero que ainda tenha muitas ECMs aqui no BR, é uma ótima opção para máquinas de nível comercial/prosumer para se ter em casa. Estou em lua de mel com o equipamento, é completamente diferente do que já tinha utilizado até então e olha que gostava das extrações da máquina anterior mas essa chegou para ficar. Desculpe o review um pouco longo, mas quis postar minhas primeiras impressões, não sou expert no assunto mas tentei passar um pouco do que achei da ECM. Algumas fotos, desculpe a qualidade tirei pelo Iphone, um dia que tiver tempo e paciência vou tirar umas fotos bem legais com uma canon 5D MKII que ficará outro nível e também farei um vídeo da extração naked e posto aqui para o pessoal ver.
  8. ECM Controvento - 2 caldeiras

    Salve. A ECM está lançando o modelo Controvento. A máquina é dotada de 2 caldeiras com controles independentes de pressão e temperatura. A primeira aparição deu-se na feira Melbourne International Coffee Expo com seu distribuidor na Austrália Espresso Connect. Por enquanto pouco sei sobre as características da máquina, pois o lançamento mundial está previsto para o 4º trimestre de 2013. Outras fotos na página da ECM no Facebook. https://www.facebook...347569938647257
  9. Boa tarde meus caríssimos movido à cafeína Estou com uma série de dúvidas e espero contar com a ajuda de vocês... Comecei pegar gosto pelo espresso depois do htforum logo no início daquele tópico comprei uma briel (portuguesa) e um moedor simples, depois veio uma Jura Superautomática, em seguida um moedor Breville Ikon e depois uma outra máquina Breville 800 diecast (lembro que comprei aqui e paguei bem caro na máquina)... estava tranquilo até começar a frequentar este fórum ai o tal do "vírus ruivo" me pegou também :/ Enfim, acabei comprando o moedor Baratza Vario com o Alexandre que por sinal é uma pessoa muito honesta e querida pelo pessoal aqui. E recentemente chegou meu filtro despressurizado da breville, venho conseguindo boas extrações, 14g em duplos saindo em 25 a 30 seg. com 50 a 60ml (me recuso a tomar menos de 50ml na xícara) de café, mas então penso, até que ponto posso melhorar isso? A máquina tem uma construção muito boa, desde o porta filtros até ela em si, mas ela vem com a pressão para filtro pressurizado creio que deve estar mandando em torno de 11 bar, ai a consequência se afino demais os grãos vem particulados na xícara e se deixa moagem mais grossa passa depressa, por isso que acho que dá para melhorar mas deveria ser a bomba regulada em 9 bar para o filtro despressurizado, é o motivo que estou querendo fazer o upgrade. Duro é que já estou querendo trocar de máquina sendo que essa breville é bem nova, ficou tempo guardada sem usar pois utilizava a superautomática e já estou querendo trocar de equipamento e se pegar uma outra agora, não vou querer mais mexer com isso pelos próximos 10 anos... assim espero. Eu tenho uma amiga que irá para os EUA e ficará uns 10 dias por lá, tenho a possibilidade de pedir para ela trazer algo, estou pesando seriamente no torrador Gene já que minha torra com a pipoqueira esta saindo muito heterogênea não sei se é devido ao clima frio e esta demorando bastante e também para o término. Tenho uma amiga que está vindo da espanha e que poderia trazer uma cafeteira, mas sempre procuro comprar no BR por questão de garantia e assistência, mas o preço lá é muito em conta e se tem alguem que traga é tentador... sendo que um amigo falou que essas máquinas melhores dificilmente dá problemas e que se tiver a chance poderia comprar fora sem medo. As máquinas que estou olhando algumas com o Alexandre como a ECM Classika, MECHANIKA IV PROFI, na espanha tem uma marca similar chamada Expobar pelo preço de em média 1200 dólares que equivaleria à Classika, entre várias outras como a QuickMill, que na verdade parece que são muito similares inclusive no design essas prosumers e realmente acho muito bonitas quero neste modelos. Também conversando com o Victor que tem a Rocket r58 e está a venda e um amigo disse que seria mais negócio pegar essa Rocket pq tem funções a mais como o pid, bomba silenciosa, etc, porém o Victor relatou em um tópico dele que ao mesmo tempo que ela nos dê um café maravilhoso ela cobra, como por ex. o tempo para aquecimento, energia para manter ligada. Minha vida é bem corrida não tem como ficar ligando máquina e esperar ou deixar o tempo todo ligada (devido ao consumo elétrico dessas dual boilers) como faço na Jura, enfim, seria ligar de manhã e tomar um, pós almoço que tenho pouco tempo também tomar outro e um a noite que daí seria mais tranquilo. As vezes penso em comprar a Silvia instalar um PID e pronto, sairia muito mais em conta, agora em relação aos shots seria muito superior essas prosumers??? Não faço muita coisa com leite, de vez em quando um capuccino, mas as vezes vem parente em casa e tenho que tirar 10 espressos seguidos coisa que na Jura não tinha problema mas nestas máquinas parece que quanto mais sofisticada mais variáveis tem e mais complicada ficam. O que vocês sugerem na compra de 6 a 8 mil reais? Tanto aqui no BR ou em último caso alguém trazer pra mim, estou bem pendente em relação à Classika do Alex, mas ja fico com receio de comprar e querer uma outra acima como a Mechanika IV, tem hora que penso na Rocket do nosso amigo aqui do fórum e penso em ser máquina demais para se ter em casa pra tirar 3 espressos por dias (e nem tenho o paladar afinado como de vocês, só não quero um café amargo e que seja doce, pois até hoje ainda utilizo um pouco do açucar não sei se é minha máquina que não consegue extrair um café tão bom) e ter que ficar esperando esquentar... não quero muita complicação em minha vida nem tenho muito tempo pra isso, já faz tempo que era pra ter escrito este tópico enorme (desculpem o tamanho) e não estava dando, e a Nueva Simonelli Musica essa também acho linda e seria uma opção para alguem trazer de fora pra mim, seria muito superior à Classika ou a Mechanika IV da ECM (esta ultima ja é heat exchanger com o grupo E61, caldeira maior ou seja, já vai demorar mais para aquecimento, consumir mais energia). De acordo com o meu perfil o que vocês dizem??? Agradeço a ajuda desde já
×