Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble

Search the Community

Showing results for tags 'cafe verde'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Café
    • Leitura Obrigatória
    • Café Torrado
    • Torra Doméstica
    • Cafeterias
    • Quando o Assunto é Café!
  • Equipamento
    • Técnicas e Dicas
    • Moedores
    • Máquinas de Expresso
    • Coado e afins
  • Dúvidas de Iniciantes
    • Dúvidas de Iniciantes
  • Outros Assuntos
    • Classificados
    • Fora de Foco
  • Informações
    • Novidades e Sugestões
    • Tutorial
  • Fotos, Fotos, Fotos...
    • Fotos, Fotos, Fotos...
  • Buscafé

Found 21 results

  1. Amigos bom dia. Longe de querer organizar uma compra coletiva tão boa e precisa como os amigos Igor e Luis fazem, temos a oportunidade abaixo que quero dividir com vocês. 1° Lugar - Isto não tem fim lucrativo, o único fim é manter contato e compras de ótimos cafés diretos do produtor. __ Eu estou sempre em contato com os produtores, e tenho conseguido negociar ótimos cafés, sempre comprando 1 saca por vez, e tenho dividido com os amigos aqui de SP. Porem agora a oportunidade apareceu para 3 saca, e quero dividir com mais pessoas. __ Produtor Lima Deleon do Sitio terras Altas cafés ( https://www.instagram.com/terraaltacafes/ ) O produtor é um Jovem Engenheiro Agrônomo e tem usado do seu conhecimento para safra após safra melhorar a qualidade do seu café. Aqui a página dele ( https://www.instagram.com/limadeleon/ ) __ Eu já tenho trabalhado com o café dele desde a safra passada e desta vez quis repetir a dose. Foi quando ele nos enviou uma amostra de um lote de CATUAÍ 144 plantado a 1000 metros, que só deu 3 sacas e por isso a exclusividade para nós. fizemos um cupping aberto deste café no "MUMU CAFÉ " a duas semanas, e realmente vimos um café diferenciado, delicado, fácil de beber. Eu tenho audios do próprio produtor falando do café caso queiram ouvir é só me chamar no zap ( 119555-06302 ) que passo pra vocês. __ Fechando as 3 sacas, conseguimos um preço muito bom de 1.380 cada saca já com frete entregue aqui em SP - O que fecha 23 reais o kg do café verde. ( Um excelente preço ). Nós já temos comprometido uma parte destas 3 sacas, então quero disponibilizar pra vocês a quantidade abaixo: __ 93 kgs, - Peço que conforme forem pedindo, irem colocando no comentário quanto você quer e quanto sobra. EX - Alex 3 kgs - sobra 90 ks. " Para quem for fora de SP posso colocar o café no correio - só peço para você mesmo cotar o frete no site dos correios ( pac ou sedex ) http://www2.correios.com.br/sistemas/precosPrazos/ o meu cep é 02842-070 e peço para incluir o valor da embalagem. Pra quem for de SP - Estão chegando outras amostrar, e podemos marcar para retirarem em mãos. E já provarem conosco estas amostras. DETALHE IMPORTANTE: O café já é nosso, mas se encontra com o produtor ainda. Nós vamos fechar os pedidos, ajuntar o dinheiro, pagar o produtor e receber o café. Para qualquer dúvida por favor, meu ZAP está a disposição ou os comentários. Desculpem se não fui claro o suficiente e vamos tomar café bom !!!
  2. Olá amigos torrefadores domésticos e entusiastas do café, com o intuito de divulgar o trabalho da Compra Coletiva e reunir todas informações relevantes em um só lugar, estamos abrindo este tópico. Nossa ideia é manter aqui sempre atualizado com informações gerais e informações sobre a equipe responsável por organizar a compra. Começamos com algumas informações básicas: Organizadores atuais: @Igor e @Luis Paulo Instagram da Compra Coletiva: @comprecoletivo Site oficial: http://comprecoletivo.iluria.com/ E-mail para contato: comprecoletivo.cafes@gmail.com Para os produtores interessados em participar da Compra Coletiva, nos mande uma amostra. Nosso endereço é: Compre Coletivo Rua Boaventura, 919 Liberdade, Belo Horizonte/MG 31270-020 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva Comprar grãos crus de qualidade e em pouca quantidade para a torra doméstica é uma tarefa árdua e dispendiosa. De acordo com o que já vivenciamos aqui no fórum, a solução mais simples para esse problema é a UNIÃO. Desta forma, podemos dizer que a Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nossa comunidade se une para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e com um preço final mais acessível. Além disso, os cafés também são ofertados na opção TORRADO, onde realizamos uma grande Torra Coletiva de café, oferecendo desta forma os mesmos grãos na opção TORRADO para que não tem a possibilidade de torrar em casa. 0.2- Nossos Valores Acreditando que o comércio de café verde deve ser sustentável tanto para o consumidor final quanto para o produtor, tentamos sempre negociar diretamente com o produtor, valorizando sempre o Comércio Justo. Além disso, acreditamos na transparência de todo processo de compra que realizamos, por isso informamos sempre os valores que estão sendo pagos no café e o valor final de cada grão é calculado sobre o valor final da saca negociada! 0.3- Custos Operacionais A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos. Alguns desses custos são: ligações interurbanas para negociar os cafés, custos com frete para enviar e receber amostras, embalagens, caixas, gasolina para transportar as encomendas até os Correios e a mão de obra dos envolvidos. Apesar do nosso esforço, é difícil estabelecer o quanto está sendo gasto em cada compra. Desta forma, nossa estratégia é fazer um pequeno acréscimo para ajuda de custos. O valor acrescentado para o café VERDE é de R$ 11,00 fixos por quilo, onde já está incluso embalagens, frete dos cafés para BH e taxas de administração da C.C.; 0.4- Riscos Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Não é de responsabilidade do Clube do Café ou de qualquer organizador da Compra Coletiva restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida, danificada ou sofra qualquer acidente fora das posses dos organizadores. É claro que, acreditando na união que temos aqui no Clube, temos certeza que haveria um esforço coletivo para ajudar ao máximo, dentro do possível, a pessoa que, porventura, seja lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Regularidade da Compra Coletiva Trabalhamos para que ocorra duas Compras Coletivas regulares por ano, uma em cada semestre. Entretanto, caso haja uma oportunidade de pegar um café extraordinário, é possível que seja realizada uma Compra Coletiva fora as duas já mencionadas. Isso já ocorreu em duas ocasiões, onde pegamos o Campeão da Emater de 2014 e o 4º Colocado do Cup of Excellence de 2016. 1.2 Como Participar Para participar você precisa estar de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo. Os pedidos deverão ser realizados após a abertura da compra e mediante a escolha da quantidade de café desejado, assim como da forma de pagamento e envio conforme as orientações a serem estabelecidas. Só serão considerados os pedidos realizados pelo SITE da Compra Coletiva. A ordem do pedido é respeitada, assim como a quantidade de cafés disponíveis. Não fazemos reserva de café! 1.3 Compras Coletivas anteriores Compras Coletivas anteriores a 2014: aqui Compra Coletiva do Segundo Semestre de 2014: aqui Rubi lavado - Fazenda Esperança Catuaí Vermelho natural - Faz. Ninho da Águia Mundo Novo natural - Sítio Santa Rita / Campo Místico Forquilha do Rio - Janeiro de 2015: aqui Catuaí Vermelho CD - Faz Forquilha do Rio - Campeão da EMATER 2014 Segunda Compra Coletiva de 2015: aqui Catuaí Vermelho/Amarelo natural - Faz. Ninho da Águia Mundo Novo natural - Lote do Luke - Sítio Santa Rita / Campo Místico Catuaí CD - Faz Ouro Verde Terceira Compra Coletiva de 2015: aqui Catuaí CD - Faz. Ouro Verde Catucaí e Catuaí Amarelo natural - Faz. Mantissa Topázio Amarelo natural - Faz. Boasorte Primeira Compra Coletiva de 2016: aqui Catuaí Amarelo natural - Faz. Mantissa Catuaí Amarelo lavado - Brejetuba, Faz. Santa Clara Catuaí Amarelo CD - Eufrásio, Sítio Boa Vista Faz Ouro Verde - 4º Colocado do CoE: aqui Catuaí CD - Faz. Ouro Verde - 4º Colocado do Cup of Excellence Segunda Compra Coletiva de 2016 - VERDE e TORRADO: aqui Catuaí natural - Faz. Ouro Verde Catuaí Amarelo lavado - Brejetuba, Faz. Santa Clara Catuaí Vermelho CD - Faz. Forquilha do Rio Catuaí Vermelho natural - Faz. Ninho da Águia Primeira Compra Coletiva de 2017 - VERDE e TORRADO: aqui Obatã Amarelo natural fermentado - Irmãos Moscardini Obatã Vermelho natural - Sítio Canaã Catucaí Vermelho natural - Faz. Vargem Grande Catuaí Vermelho CD - Seu Juarez, Sítio Jequiri Segunda Compra Coletiva de 2017 - VERDE e TORRADO: aqui Catuaí Vermelho CD- Faz Forq. do Rio Bourbon Vermelho Natural - Café da Rosângela Bourbon Vermelho CD - Café da Rosângela IAPAR CD - Café do Leandro Catuaí Vermelho Natural - Café do Tino Catuaí Vermelho CD - Café do Paulo 1.4- Por trás da Compra Coletiva: Desde a Segunda Compra Coletiva de 2016 estamos fazendo um trabalho pós C.C. para passar informações sobre os cafés e formas de torrá-los. Nosso intuito ao fazer isso é abrir um canal onde o consumidor final pode bater um papo franco com o próprio consumidor final sobre os processos de colheita, pós colheita, beneficiamento e torra de café. É o Clube do Café fazendo sua parte para educar e conscientizar o coffee lover sobre a bebida café a partir do pé, além, é claro, discutir sobre as dificuldades e sobre o trabalho dos produtores. Torrando os Cafés da Segunda Compra Coletiva de 2016: aqui O Ddiário de uma Aventura Cafeeira: Conhecendo o Seu Juarez: aqui Torrando os cafés da Primeira Compra Coletiva de 2017: aqui O Diário de uma Aventura Cafeeira: Explorando as Matas de Minas: aqui Torrando os cafés da Segunda Compra Coletiva de 2017: aqui Alguns dos produtores que já tivemos o prazer de conhecer e registrar uma foto: Tiago, Fazenda Barinas: aqui Valmor, Sítio Santa Rita / Campo Místico: aqui Bruno, Fazenda Esperança: aqui Cândido, Faz. Ouro Verde: aqui Ivone, Brejetuba - Faz. Santa Clara: aqui Clayton, Faz. Ninho da Águia: aqui Seu Juarez, Sítio Jequiri: aqui Seu Afonso Lacerda, Forquilha do Rio: Seu Afonso, Igor e Luís 1.5- Compra Coletiva em números: Nestes últimos anos, estimamos que mais de 3 toneladas de cafés verdes foram repassadas para os membros do clube torrarem. Já trabalhamos com 15 fazendas diferentes de 4 estados e já tivemos acesso a café natural, lavado, CD e natural fermentado. Em termos de alcance, já enviamos cafés para 19 estados e para o Distrito Federal. Além disso, já enviamos cafés para os Estados Unidos. 2- Formas de Pagamento disponibilizadas Disponibilizamos duas formas de pagamento: Depósito Bancário e PAY PAL. O valor exibido no site é referente ao pagamento pelo PAY PAL. Para pagamentos por Depósito Bancário, onde as taxas de serviços do PAY PAL não se aplicam, há um desconto de 5%. As instruções para pagamento por depósito bancário serão exibidas somente após a confirmação do meio de envio ou da cotação do frete por transportadora ou do ENVIO COLETIVO. 3- Formas de Envio Há três opções para envio: Envio via Correios: PAC e SEDEX - Para esta modalidade o frete é calculado na hora ao finalizar o pedido; Retirada em mão em Belo Horizonte - Moradores de BH e região poderão retirar o café em mãos; ENVIO COLETIVO ou transportadora (pedidos acima de 12kg) - Pedidos acima de 12kg poderão ser orçados via Jad Log. Além disso o Envio Coletivo é uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte. Para participar do ENVIO COLETIVO basta fazer o pedido no site para reservar o café e escolhem a opção de envio chamada de ENVIO COLETIVO. Assim que os pedidos encerrarem, uma planilha será aberta com os pedidos individuais separados por região e um representante de cada região deverá se manifestar para receber um pacote com todos os pedidos. O representante é responsável por entrar em contato com a equipe da Compra Coletiva para passar os dados de envio e os participantes. Somente após essa etapa é que fazemos o cálculo do frete proporcional ao pedido de cada um e o valor é acrescentado no site individualmente. Em seguida, cada participante recebe uma mensagem avisando que o frete foi calculado e que o link para pagamento vai estar disponível no site da CC. Por fim enviamos todos os pedidos em uma única remessa para o representante e cada participante do ENVIO COLETIVO fica responsável por buscar com o representante. Caso opte por essa opção, você receberá o valor do frete após o encerramento dos pedidos da Compra Coletiva. Somente após o cálculo do frete que a cobrança é gerada. Grande abraço, Equipe Compra Coletiva
  3. Salve amigos amantes da torra doméstica, neste tópico vamos compartilhar com vocês tudo do processo de torra dos cafés da Compra Coletiva e aproveitamos também para abrir um espaço exclusivo para que as discussões sobre como torrar esses cafés ocorram. Pra começar, temos muita coisa pra compartilhar, o processo para o café chegar torrado na casa de vocês foi muuuito longo. Para não nos perdermos nessa discussão e para tornar o texto mais organizado, vamos deixar cada assunto bem separadinho. Nossa ideia é a seguinte. Neste post vamos escrever sobre o processo para desenvolver os perfis de torra e sobre as dificuldades que enfrentamos e como conseguimos superá-las. Vamos falar ainda sobre como foi torrar esses cafés e passar algumas orientações para ler os logs que vamos compartilhar. Somente em um segundo momento é que vamos compartilhar os perfis que escolhemos para cada café e comentar sobre a razão das escolhas que fizemos. Além, é claro, de contar um pouco sobre algumas peculiaridades de cada grão. Modelando os Perfis de Torra: A rotina para desenvolver os perfis que utilizamos para cada um dos cafés foi a seguinte: 1- Fazer uma torra de prova: Utilizamos o Ikawa para fazer as torras de prova. Como o Ikawa é super ágil para torrar, conseguimos desenvolver mais de uma curva de torra com ele para cada café, o que acabou ajudando bastante. Mas caso não tivéssemos um Ikawa em mão, uma torra de prova neste momento já seria o suficiente, uma vez que nosso objetivo é conhecer o café. 2- Provar os cafés: Em um segundo momento montamos uma mesa de prova com todos os cafés torrados e fazemos uma rodada de cupping. Neste momento nosso objetivo é observar quais são os traços sensoriais de cada café. Mesmo já conhecendo os cafés, pois já havíamos provado todos, gostaríamos de saber se os cafés que chegaram correspondem realmente às amostras que provamos anteriormente. 3- Modelar a torra: Aqui é parte mais complicada e que exige mais experiência do mestre de torras. Vamos dar uma pincelada somente e depois podemos voltar nesse assunto caso vocês queiram. Bem, uma vez que já conhecemos os cafés e já sabemos o que queremos destacar de cada um, precisamos tomar decisões sobre como vamos modelar as torras. Essas decisões são orientadas basicamente por dois fatores: pelo sensorial que já foi analisado pela torra de prova (e por outras torras quando necessário) e pelas características do grão (umidade e densidade). Em geral, quando um café é muito complexo, com boa densidade e sem defeitos, o caminho que escolhemos é de fazer uma curva muito parecida com uma curva de prova, pois ela tende a destacar tudo o que o grão tem para oferecer, sem “esconder nada”. Quando temos um café menos complexo, com baixa densidade, o caminho geralmente é outro, partimos para uma curva com taxa de variação de temperatura (ou RoR - Rate of Rise) decrescente. Independente do caminho que tomamos, as escolhas que fazemos para modelar nossos perfis de torra são sempre guiadas pela taxa de variação de temperatura (RoR). Isso vai ficar bem mais claro quando começarmos a explicar os caminhos que tomamos na hora de torrar os cafés desta Compra Coletiva. 4- Escolher a temperatura final: Uma vez que já modelamos nosso perfil de torra, ou seja, já sabemos exatamente a forma como vamos torra cada café, daí partimos para a escolha da temperatura final. Neste momento fazemos a torra exatamente do jeito que estabelecemos e tiramos amostras para analisar qual a melhor temperatura final para determinado café. Novamente abrimos o café em diversas xícaras para realizar mais uma rodada de cupping e determinar a temperatura final que queremos para cada café. É incŕivel a diferença que alguns graus trazem na xícara, é possível encontrar dois perfis sensoriais bem diferentes para o mesmo café, com a mesma abordagem, variando somente 1 ou 2ºC na temperatura final. 5- Torrar os cafés: Tudo converge para este momento, onde realizamos a torra planejada. Aqui fazemos a torra da forma como modelamos e finalizamos sempre na temperatura final previamente estabelecida para cada café! A temperatura final é super importante, mesmo que por algum motivo a torra ocorra um pouco diferente do que foi planejado, finalizamos sempre na temperatura final que escolhemos para o café. Dificuldades encontradas: Tivemos uma série de dificuldades, mas todas decorreram de um pequeno detalhe, precisávamos torrar 240kg de café em 3 dias!!!! O torrador que tínhamos a disposição era um Atilla com capacidade máxima para 15kg, mas para utilizar todo seu potencial tomamos a decisão de torrar com 8kg somente, que representa 53% da carga máxima recomendada pelo fabricante. Entretanto, nunca tínhamos torrado com essa capacidade, geralmente fazemos batches de 5 ou de 3kg nesse torrador. Acontece que quando colocamos 8kg no torrador, descobrimos que ele não conseguiria executar, com essa carga, o perfil que havíamos planejado para os cafés anteriormente. Tivemos então que reajustar os perfis e alterar a carga. Isso complicou bastante o nosso trabalho! No fim conseguimos executar os perfis planejados com pequenas alterações, mas tivemos que levar o torrador ao seu limite com as cargas que utilizamos, que variou de 5 a 6kg. Vocês poderão observar nos logs que vamos compartilhar que utilizamos todos os recursos que o torrador oferece. No final desta postagem explico sobre esses recursos passando algumas orientações para leitura dos logs. Além dos recursos do torrador, tivemos que utilizar duas estratégias chaves para atingir nosso objetivo (só lembrando, torrar 240kg de café em três dias): primeiro, utilizamos a temperatura inicial mais alta e bem próxima da temperatura de saída dos grãos, pois assim o tempo de espera entre as torras é menor, otimizando nosso tempo. Segundo, o tempo total das torras não poderia ser muito grande, pois a diferença de uma torra de 10min para um torra de 15min seria realmente um limitante para nosso objetivo. Foi uma experiência extraordinária torrar esses cafés para vocês, mas realmente não sabemos se é algo que pretendemos repetir futuramente. Foi bastante estressante ter que tomar decisões rápidas por conta do curto período de tempo que tínhamos para torrar e o trabalho para realizar as torras foi gigantesco, muito maior do que havíamos pensado. Para que tenham uma noção, contando as torras que fizemos para desenvolver os perfis, foram 48 batches no total! Na terça feira, dia 12/12, passamos 11hrs seguidas torrando. Além disso, fazendo um balanço pessoal das torras, não ficamos 100% satisfeitos com os resultados. Gostaríamos realmente de ter mais tempo para modelar melhor os perfis e principalmente ter mais tempo para realizar as torras com calma. No fim, ficamos ao menos com a satisfação e a sensação que fizemos o melhor que foi possível fazer dentro de todas limitações que encontramos e realmente esperamos que esteja a altura de vocês. Orientações para leitura dos logs. Os eventos que irão aparecer nos logs são os seguintes: Rotação do tambor: toda vez que tem um comentário seguido de “rpm” isso significa o giro do tambor. Exemplo: 65rpm. Controle elétrico do exaustor: é o controle do giro do ciclone, aparece em comentários de alteração do fluxo de ar o intervalo de variação é de 900~2700. Controle mecânico do fluxo de ar: é, em porcentagem, o quanto aberto ou fechado está a válvula borboleta que fica presente na tubulação que liga o tambor ao ciclone que controla o fluxo de ar. Aparece também em comentários de alteração do fluxo de ar, entretanto o intervalo de variação é menor, geralmente de 50 a 100. Chama: é a pressão de gás que está indo para os queimadores. Aparecem nos comentários como GAS e são números que variam de 0 a 33, sendo 33 o limite da máquina, ou seja, 100% de toda carga térmica proveniente dessa fonte. Combinações no início da torra: O primeiro comentário de cada torra contém as informações de entrada, por exemplo, 900/70/50. Isso significa que o giro do ciclone estava em 900, a rotação do tambor em 70rpm e a válvula borboleta estava 50% aberta. Logo em seguida há sempre um comentário sobre a chama de entrada. Por enquanto é isso aí galera. Vamos deixar vocês com algumas fotos agora e daqui a pouco voltamos para contar dos cafés. Ikawa mandando ver nas torras Xícaras sem fim... Provando e provando os cafés. O segredo de uma boa torra está aí. Testando as temperaturas finais. Com o café do paulo avaliamos as temperaturas de 201ºC até 206ºC. Um pouco da nossa rotina de torra, foto sem glamour mesmo para mostra o trabalho. Enquanto um café é torrado, o batch que já esfriou vai sendo embalado. Jogo rápido pra preservar o máximo possível de cada café!!
  4. Olá, pacote lacrado de 2Kg de verde CD (cereja descascado) da Fazenda Ninho da Águia. Safra 2016~17. Motivo da venda - comprei 20Kg, 10 CD e 10 natural. Preferi o natural que acabou, sobrou um pacote do CD. Retirar em Curitiba. Preço R$ 60,00 Jorge
  5. Salve nação torrefadora doméstica, Seguindo com o roteiro das últimas Compras Coletivas, vamos oficialmente abrir o tópico de consulta. Como sempre, o nosso objetivo neste momento é falar um pouco do trabalho de pré seleção que já estamos fazendo, apresentar os prazos que temos em mente e abrir um canal para escutá-los, onde vocês poderão sugerir produtores que gostariam de ver na C.C. e/ou passar sugestões ou reclamações. É também do nosso interesse utilizar este tópico como termômetro para medir a demanda que vamos ter para a próxima C.C., então é muito importante que se manifestem sobre o interesse ou não de participar, dando uma ideia de quantos quilos desejam pegar desta vez. Para começar, caso não saiba o que é a Compra Coletiva ou caso tenha alguma dúvida sobre o seu funcionamento, sugerimos a leitura do tópico: Compra Coletiva do Clube do Café. Para se inscrever na nossa lista de e-mail onde passamos as novidades da C.C. e avisamos em primeira mão que os pedidos foram abertos, link aqui. Para obter atualizações mais rápidas sobre o andamento da Compra Coletiva e conhecer um pouco melhor os bastidores do nosso trabalho sugerimos que nos sigam no Instagram: https://www.instagram.com/comprecoletivo/ Vamos começar falando sobre novidades. Primeiramente gostaríamos de dizer que é do nosso interesse retomar aquele processo de escolha coletiva dos cafés, algo como foi feito na última compra do ano passado. Isso dá muito trabalho, pois é necessário conciliar as torras das amostras que são feitas aqui em BH com a disponibilidade de cada grupo de pessoas se reunir em determinada cidade para prová-las. Entretanto, como é algo que deu super certo e torna a escolha dos cafés mais democrática, é do nosso interesse repetir essa experiência. Vamos dizer aqui quais são as cidades que esperamos que entrem nesse processo e esperamos que cada lugar eleja um representante para ficar responsável por receber os cafés e organizar um encontro para os membros regionais provarem e escolherem os cafés. Esperamos conseguir atender umas 4 cidades, além de Belo Horizonte, e vamos dar preferência para as localidades que possuem a maior quantidade de membros participantes nas últimas Compras Coletivas. Nossas sugestões: São Paulo; Campinas; Goiânia; Porto Alegre. Agora sobre o funcionamento da Compra Coletiva. Nossa ideia é manter a mesma receita da última vez. Disponibilizaremos cafés verdes e torrados e vamos manter o acréscimo fixo de R$ 10,00 por kg do café verde, assim como o cálculo para o preço final do torrado. Está longe de ser o ideal, sabemos disso, mas na última Compra Coletiva foi a primeira vez que não tivemos prejuízos para que vocês recebessem o café em casa. Nossa ideia sempre foi manter o valor final do café o mais baixo possível e isso continua sendo uma das nossas metas. Com os novos contatos de produtores e, principalmente, com o aprimoramento da nossa capacidade de avaliar café, estamos tendo acesso a cafés com a mesma qualidade e padrão que já estão acostumados na C.C. por preços mais acessíveis. Isso é possível, principalmente, por fugir de grandes produtores, onde pagamos um preço a mais pelo nome da fazenda que vai estampada na sacaria. Nosso objetivo vai ser tentar compensar o valor fixo que acrescentamos por quilo, ao buscar cafés com custo benefício melhor. Claro, mantendo sempre os nossos princípios de negociar direto com o produtor e pagar um preço justo. Passamos ao que interessa então, os cafés. Desde o final da última Compra Coletiva eu e o Luis já estamos fazendo um trabalho de pré seleção de cafés. Nosso objetivo é conhecer o máximo possível de produtores para ter uma boa rede de contatos. Aproveitamos também algumas oportunidades para visitar certas propriedades, estivemos já nas regiões do Sul de Minas (mais precisamente Três Pontas), Chapada de Minas (Capelinha) e Caparaó (várias cidades da região). Já provamos uma grande quantidade de cafés. Inicialmente nossa ideia é tentar trazer para C.C. regiões novas, que nunca foram contempladas, mas isso é algo que depende muito da disponibilidade de bons cafés na época da Compra Coletiva. Gostaríamos muito de poder oferecer cafés das regiões da Chapada de Minas, Mantiqueira e Norte Pioneiro do Paraná, então vamos aguardar o desenrolar dos próximos capítulos. E aliás, se conhecerem produtores dessas regiões, nos avise. A grande novidade com relação aos cafés é uma negociação que estamos fazendo com um produtor para conseguir um lote exclusivo para CdC, ou seja, um café que só a gente vai ter. Em breve devemos trazer mais informações sobre ele. Por fim, vamos falar de prazos. Há basicamente 4 etapas para a compra sair: Pré seleção das amostras: é o que está rolando agora, onde eu e o Luís vamos escolher uns 10 cafés que achamos interessantes para passar para etapa de seleção. Esperamos ter feito a pré seleção até uns 5 dias após o encerramento da SIC, que vai ser onde provaremos uma grande quantidade de cafés candidatos a entrarem na C.C. Prazo para pré seleção dos cafés: até 31/10. Seleção: é a etapa onde os grupos regionais escolhem os cafés que já foram pré-selecionados. Poderão ser 4 ou 5 cafés dependendo da disponibilidade e oportunidades apresentadas. Essa etapa é muito importante que ocorra da forma mais rápida possível, pois uma vez que o produtor coloca o café dele a venda no mercado, é muito difícil convencê-lo a segurar o café por muito tempo. Então precisamos ser rápidos para garantir que os cafés que vamos provar estarão disponíveis para venda ao final do processo. Para tanto já vamos sugerir uma data para que os encontros regionais ocorram para que provem os cafés, no final de semana do dia 10/11. Vamos colocar o prazo para a seleção dos cafés até 12/11. Negociação com os produtores e envio das sacas: esse é um período demorado, em geral os produtores pedem alguns dias para enviar os cafés e precisamos contar com tempo que gastam para chegar até a gente. Esta é a etapa mais difícil de estimar prazo, pois caso um café atrase, ele atrasa a compra coletiva inteira. Vamos trabalhar para que todos os cafés estejam com a gente até o dia 01/12. Fracionamento dos cafés, torra e envio: Esse processo não costuma atrasar muito, uma vez que os cafés estão aqui tudo só depende da gente. Prazo para finalizar os envios: até 15/12 Sabemos que essa época de fim de ano é complicada para os correios e está longe de ser o ideal. Contudo, para termos uma maior variedade de cafés disponíveis, conseguindo fazer duas compras coletivas no espaço dos 7 meses do ano onde é possível comprar cafés da safra atual, essa é a solução. Para driblar a questão dos correios, podemos sempre trabalhar com transportadoras. Inclusive vamos correr atrás para que nesta Compra Coletiva seja possível enviar o café por transportadora para as regiões do Norte e Nordeste. É isso pessoal, aguardamos o retorno de vocês e estamos a disposição para tirar qualquer dúvida. Grande abraço, Igor e Luís
  6. Café verde no AliExpress

    Eu estava dando uma pesquisada em acessórios para dar um upgrade na minha cafeteira no AliExpress e me deparei com vários anúncios de cafés verdes e torrados sendo vendidos. Alguém aqui do forum já comprou alguma vez com eles? Será que dá certo? Entre os cafés que olhei, encontrei até o famoso Kopi Luwak: http://www.aliexpress.com/item/Hot-Kopi-Luwak-coffee-beans-The-best-price-the-best-coffee-200g/32253799541.html Nesse caso, temos dois poréns: Um é importar esse café verde e ele chegar sem problemas. O outro é sobre a qualidade do café. Será que compensa arriscar? O preço é razoavelmente salgado, mas pode ser que compense. Os vendedores têm um bom feedback positivo... Outros exemplos: http://www.aliexpress.com/item/1000g-2-Bags-100-High-Quality-Ethiopia-Yirgacheffe-Coffee-Bean-Raw-Beans-Green-Slimming-Coffee-Bean/1675782354.html http://www.aliexpress.com/item/1kg-Ethiopia-Djimma-Green-Coffee-Beans-Original-Quality-Green-Slimming-Coffee-the-tea-green-coffee-slimming/1640656697.html
  7. ADIADA - A previsão de abertura dos pedidos para Compra Coletiva é dia 30/11. Fiquem ligados por aqui nessa semana!!!! Olá colegas, já faz um tempo que estou trabalhando na próxima compra coletiva de cafés. Para ser mais preciso, tenho trabalhado desde antes do fim da 1ª Compra Coletiva de 2016, a última que tivemos no clube. Para quem ainda não sabe o que é a Compra Coletiva: http://forum.clubedocafe.net/index.php?/topic/4558-1%C2%AA-compra-coletiva-de-caf%C3%A9-verde-cru-de-2016-mgesba/ Já caminhei bastante nas negociações e já tenho algumas amostras comigo. A ideia é avaliar e selecionar os cafés até a primeira semana de novembro e dar início a compra logo em seguida. Desta forma, minha previsão é que os cafés já estejam com vocês logo no início de dezembro. Gostaria de aproveitar o momento para escutá-los e saber se possuem alguma sugestão ou comentário sobre a Compra Coletiva. Gostaria também de saber se possuem algum café ou região que sugerem para entrar na próxima compra. Ainda dá tempo de buscar cafés diferentes. Aproveitem o momento. Além disso, quero adiantar para vocês que teremos algumas novidades para a próxima compra. Por enquanto manterei certo mistério sobre algumas delas, mas o que posso adiantar é que vou implementar uma nova modalidade na compra, a de café torrado. Ainda não tenho todos os detalhes acertados, mas o que é certo é que já busquei parceiros aqui em BH, microtorrefações, que toparam torrar grandes quantidades de cafés para a gente (claro que cobrarão por isso). Minha ideia é oferecer o mesmo café que será vendido verde na Compra Coletiva regular, só que torrado e em embalagem de tamanho único (provavelmente 500g). Trabalharei para oferecer o café torrado dentro de uma margem de R$ 70,00 a R$120,00 por quilo. Outras novidades vou soltando aos poucos, assim que forem se concretizando. Grande abraço e aguardo os comentários de vocês, Igor
  8. Tudo com Café (café verde online)

    Pessoal, procurei pelo macanismo de busca do fórum e não achei nada falando sobre essa loja online que vende diversas variedades de grão verde. Alguém aí já comprou ou conhece os vendedores? https://www.tudocomcafe.com.br/cafe-verde Moderação, desculpe se o tópico estiver no lugar errado...
  9. Olá colegas Home Roasters, chegou o momento da abertura oficial nossa Compra Coletiva, a primeira de 2016 e a última da safra 2015. Temos bastante orgulho de dizer que finalmente conseguimos lançar uma Compra Coletiva perfeita! Teremos desta vez cafés de altíssima qualidade, previamente provados e em quantidades para atender todos. Outro aspecto de grande relevância é que as embalagens serão substituídas por sacos Stand Up, com fechamento Zip Lock, próprios para café verde. Além disso, as caixas, que antes eram de produtos de mercado que buscávamos no comércio local, também serão substituídas por caixas mais resistentes e fabricadas sob medida. Aliado a tudo isso, conseguimos trazer para vocês o trio perfeito dos cafés brasileiros. Teremos o que há de melhor no cenário do café especial: Minas Gerais, Bahia e Espirito Santo. Na sequência trazemos o texto padrão das nossas Compras com a apresentação, riscos e prazos etc. Sugerimos fortemente que leiam tudo com atenção, em especial as seções de custos e riscos. O texto sofreu algumas alterações desde a última Compra. Caso você seja um membro experiente, com outras participações em Compras Coletivas e caso já esteja ciente dos cafés, preços e riscos, segue o formulário para preenchimento e oficialização dos pedidos: http://goo.gl/forms/hHpAMYnW1e Respostas atualizadas: https://docs.google.com/spreadsheets/d/1xxBQ_XMhaYF2gSOWxoCBEXycpX8HD4aJDGitXCNY5To/edit?usp=sharing ---- Índice: 0- Introdução 0.1 O que é a Compra Coletiva 0.2 Custos Operacionais 0.3 Riscos 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar 1.2 Previsões e Prazos 2- Os Cafés 2.1 MG/ Fazenda Mantissa - Lote BE16 2.2 BA/ Sítio Boa Vista - Eufrásio - Lote 11 2.3 ES/ Brejetuba 3- Pagamento 4- Envio 5- Agradecimentos ---- 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva: Comprar grãos crus de qualidade e em poucas quantidades é uma tarefa árdua e dispendiosa. Desta forma, a solução mais simples é a união. A Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nos unimos para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e a preços mais acessíveis, tentando valorizar, quando possível, a negociação direta com o produtor e o Comércio Justo. 0.2- Custos Operacionais A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos. Citamos ligações interurbanas para negociar os cafés, custos com frete para enviar e receber amostras, embalagens, caixas, gasolina para transportar as encomendas até os Correios etc. É complicado precisar o quanto está sendo gasto em cada compra. Desta forma, nossa estratégia é fazer um acréscimo mínimo, somente o suficiente para cobrir nossos gastos. Para esta Compra Coletiva será feito um acréscimo de R$ 3,00 por quilo para ajuda de custo. 0.3- Riscos: Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Não é de responsabilidade do Clube do Café ou de qualquer organizador da Compra Coletiva restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida, danificada ou sofra qualquer acidente fora das posses dos organizadores. É claro que, acreditando na união que temos aqui no Clube, temos certeza que haveria um esforço coletivo para ajudar ao máximo, dentro do possível, a pessoa que, por ventura, seja lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar: Se você está de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo, então basta preencher o formulário a seguir com os dados que lhe serão requisitados. Caso não esteja familiarizado com a Compra Coletiva, peço que leia tudo até final antes de preencher. O prazo limite para preenchimento do formulário é até dia 15/05 às 23:55 (Horário de Brasília). Após a data limite o formulário será fechado e nenhum outro pedido será considerado sem ser analisado pelos organizadores. Formulário: http://goo.gl/forms/hHpAMYnW1e Respostas: https://docs.google.com/spreadsheets/d/1xxBQ_XMhaYF2gSOWxoCBEXycpX8HD4aJDGitXCNY5To/edit?usp=sharing 1.2 Previsões e Prazos: Os cafés deverão chegar em Belo Horizonte até o dia 27/05 e somente então os pedidos serão separados e remetidos. A previsão inicial é que todos os cafés tenham sido remetidos até o dia 10/06. 2- Os Cafés 2.1 MG/ Faz. Mantissa: Este é um grande conhecido do Clube do Café. Na última compra fomos presentados com o 5º colocado do Cup of Excellence e desta vez eles separaram para a gente outro bom café. Mesmo que não se encontre no mesmo nível do anterior, este café ainda se destaca e é nítido o terroir da região. Quem conhece os cafés da fazenda vai reconhecer imediatamente que se trata de um similar. É um natural, que segundo os próprios avaliadores da fazenda, bebeu 86,7pts. Os organizadores da Compra Coletiva provaram do café e a escolha dele foi unanime. Em uma das torras foi possível identificar notas de frutas amarelas e finalização para Maracujá. Não é um café difícil de torrar e dificilmente uma torra dele ficará ruim. Altamente recomendado para iniciantes na arte da torra doméstica. Segue Resumo: Fazenda Mantissa - Lote BE136 Poços de Caldas/MG Montanhas do Sul de Minas Altitude: 1.260m Variedades: Catuaí Amarelo Processo: Natural Valor da Saca: R$ 1800 + 145,49 frete Quantidade disponível: 90kg Valor Final por Quilo: R$ 31,60 + 3,00 = R$ 34,60 2.2 BA/ Sítio Boa Vista – Eufrásio Este produtor é novo nas compras, mas não novo no Clube, alguns membros já devem ter tido oportunidade de provar dos cafés dele pela W&S. Provamos dois lotes e um foi selecionado. É um café lavado, fermentado em tanque por 24hrs. O aroma desse café após torrado é inebriante. Além disso, apresenta um perfil sensorial bem complexo e balanceado. É um café um pouco complicado de torrar, não recomendado para iniciantes. Sítio Boa Vista - Eufrásio - Lote 11 Barra do Choça/BA Planalto da Conquista Altitude: 980m Variedades: Catuaí Amarelo Processo: Lavado 24hrs Colheita: Outubro 2015 Valor da Saca: R$ 1900 + ICMS +195 frete Quantidade disponível: 90kg Valor Final por Quilo: R$ 39,20 + 3,00 = 42,20 2.3 ES/ Brejetuba: Outro café novo no clube. A ideia era pra ser um café com um bom custo benefício. Acontece que, apesar do preço mais baixo, ele está praticamente no mesmo nível dos outros dois. É um café que vem de uma parceria dos organizadores com um Coffee Hunter daqui de BH, o mesmo que buscou o Fazenda Boa Sorte na última compra. Um café para aventureiros, pois possui um perfil sensorial complexo: frutado, com uma doçura intensa, acidez incomparável e corpo alto. Só tem uma coisa que falta nesse café... e essa coisa chama humildade (não confunda com umidade)!!! Nele é tudo intenso. Beber esse café é fazer parte de uma experiência sensorial extraordinária. Não é um café que indicamos para os mais conservadores ou para os que fazem caretas quando tomam um café ácido. Segue resumo: Fazenda Santa Clara - Brejetuba/ES Produtor: Edmar Zuccon Altitude: 1050m Processo: Lavado Variedade: Catuaí Amarelo Valor da Saca: R$ 1500 já com frete incluso Quantidade disponível 90kg Valor Final por Quilo: R$ 25 + 3,00 = 28,00 3- Pagamento Após a data limite para preenchimento do formulário, a organização entrará em contato com cada praticante passando os dados bancários para transferência, assim como o valor completo: Café + Frete. O pagamento é à vista e mediante a uma transferência bancária para uma conta no Banco do Brasil ou via PayPal. Assim que a transferência for confirmada, será colocado um OK na planilha avisando que o pagamento foi confirmado. 4- Envio O envio será feito logo após a confirmação do pagamento e dentro dos prazos estabelecidos em 1.2. Uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte é o Envio Coletivo. Ao invés de fazer remessas individuais para várias pessoas da mesma cidade, os membros regionais se organizam para que o envio seja feito para um representante local e essa pessoa fica encarregada de distribuir localmente os cafés. Caso opte por essa opção, você deverá de marca-la no preenchimento da planilha. 5- Agradecimentos Um grandíssimo obrigado aos colegas e membros que estão sempre nos apoiando com sugestões e críticas para melhorar cada vez mais nossas Compras Coletivas. Em especial, ao Luís daqui BH, ao Rafa Rocks e o pessoal de Goiânia, e ao grande Mestre Torres. ao Vinícius, filho do Eufrásio, com quem negociamos a saca; ao amigo Renato barista daqui de BH que nos apresentou mais um café e que está nos ajudando na intermediação da negociação; à Guiga, representante de vendas da Faz. Mantissa, que, mais uma vez, foi tão solicita com relação aos nossos pedidos. Guiga, você é nota mil!! Cordialmente, Equipe Compra Coletiva
  10. Olá colegas Home Roasters, chegou o momento da nossa terceira Compra Coletiva, a última de 2015 e a primeira da safra 2015/16. Se você já é um membro experiente, com outras participações em Compras Coletivas e se já está ciente dos cafés, preços e riscos, segue o formulário para preenchimento e oficialização dos pedidos: http://goo.gl/forms/Ucb5nybSG4 Caso contrário, sugiro a leitura do texto que se segue. Ele sofreu algumas pequenas alterações desde a última compra: ---- Índice: 0- Introdução 0.1 O que é a Compra Coletiva 0.2 E quem lucra com isso? 0.3 Riscos 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar 1.2 Previsões e Prazos 2- Os Cafés 2.1 Fazenda Mantissa 2.2 Faz. Boasorte 2.3 Faz. Ouro Verde 3- Pagamento 4- Envio 5- Agradecimentos ---- 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva: Comprar grãos crus de qualidade e em poucas quantidades é uma tarefa árdua e dispendiosa. Desta forma, a solução mais simples é a união. A Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nos unimos para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e a preços mais acessíveis, tentando valorizar, quando possível, a negociação direta com o produtor e o Comércio Justo. 0.2- E que lucra com isso? A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos, como ligações interurbanas para negociar os cafés, embalagens, caixas e gasolina para transportar as encomendas até os Correios. É complicado estimar o quanto está sendo gasto em cada compra, mas em uma tentativa para contornar essa situação é feito um acréscimo de R$ 1,00 por quilo para ajuda de custo. 0.3- Riscos: Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Não é de responsabilidade do Clube do Café ou de qualquer organizador da Compra Coletiva restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida, danificada ou sofra qualquer acidente fora da posse dos organizadores. É claro que acreditando na união que temos aqui no Clube, tenho certeza que haverá um esforço coletivo para ajudar ao máximo a pessoa que eventualmente chegue a ser lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar: Se você está de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo, então basta preencher o formulário a seguir com os dados que lhe serão requisitados. Caso não esteja familiarizado com a Compra Coletiva, peço que leia tudo até final antes de preencher. O prazo limite para preenchimento do formulário é até dia DOMINGO 22/11 às 23:55 (Horário de Brasília). Após a data limite o formulário será fechado e nenhum outro pedido será considerado sem ser antes analisado pelos organizadores. Formulário [ENCERRADO]: http://goo.gl/forms/Ucb5nybSG4 Respostas ATUALIZADAS: https://docs.google.com/spreadsheets/d/1yX9IQARLOhMjygiELELv0IwP2s6bDwh_GCGLlL3G7k8/edit?usp=sharing 1.2 Previsões e Prazos: Os cafés deverão chegar em Belo Horizonte até o dia 05/12 e somente então os pedidos serão separados e remetidos. A previsão inicial é que todos os cafés tenham sido remetidos até o dia 12/12. 2- Os Cafés 2.1 Faz. Mantissa: Esta é uma nova parceria do Clube do Café com uma fazenda produtora de excelência. Acompanhamos ao longo do ano o café deles em vários eventos e muitos membros ficaram impressionados com a qualidade atingida nesta nova safra. O café que foi separado para a gente é um natural, que segundo a própria fazenda, bebeu 88pts. Os organizadores não chegaram a provar deste café. A analise sensorial/pontuação foi feita pela própria fazenda e estamos dando um voto de confiança para eles. Em vista da consulta que foi feita, limitaremos este café a 3kg por pessoa. Segue resumo: Fazenda Mantissa Poços de Caldas/MG Montanhas do Sul de Minas Altitude: 1.260m Variedades: Catucaí e Catuaí Amarelo Processo: Natural Valor da Saca: R$ 2.000,00 + 85,49 frete Quantidade disponível: 60kg Valor Final por Quilo: R$ 34,75 + 1,00 = R$ 35,75 2.2 Faz. Boasorte Este café se trata de uma novidade na Compra Coletiva. É um típico café do Cerrado Mineiro, que se mostrará bastante balanceado em espressos e dará um bom coado para o dia a dia. O café foi provado repetidas vezes antes de entrar para a Compra Coletiva e se trata de uma aposta grande de um dos organizadores. É um café para quem busca custo\benefício, mas se engana quem acha que será um café flat e sem graça. Segue Resumo: Faz. Boasorte - Topázio Campos Altos/MG Cerrado Mineiro Altitude: 1.100m Variedade: Topázio Processo: Natural Produtor: Júnior Preço da Saca: R$ 800,00 com frete e ICMS inclusos Quantidade Disponível: o tanto que precisarmos! Valor Final por Quilo: R$ 13,30 + 1,00 = R$ 14,30 2.3 Faz. Ouro Verde: Este café dispensa muitas apresentações. O Cândido cada vez mais se mostra um parceiro do Clube e desta vez nos separou mais um Cereja Descascado. Não provamos o café que o Cândido irá mandar, mas se a qualidade com relação aos cafés que conhecemos for mantida, já sabemos o que pode ser esperado. Segue Resumo Faz. Ouro Verde Piatã-BA Altitude: 1.300m Variedade: ?? Processo: CD Produtor: Cândido Ladeia Rosa Preço da Saca: R$2.400,00 + 123 Frete Quantidade disponível: 60kg Valor Final por Quilo: R$ 42,00 + 1,00 = R$ 43,00 3- Pagamento Após a data limite para preenchimento do formulário, a organização entrará em contato com cada praticante passando os dados bancários para transferência, assim como o valor completo: Café + Frete. Há duas formas disponíveis para pagamento: i) via transferência de fundos para uma conta no Banco do Brasil; ii) via Pay Pal - é necessário ter conta no sistema do Pay Pal (http://paypal.com/) e haverá um acréscimo de 6,5% + R$0,60 de taxas para utilizar este serviço. O pagamento é confirmado na própria planilha da Compra Coletiva. 4- Envio O envio será feito logo após a confirmação do pagamento e dentro dos prazos estabelecidos em 1.2. Uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte é o Envio Coletivo. Ele funciona da seguinte forma, ao invés de fazer remessas individuais para várias pessoas da mesma cidade, os membros regionais se organizam para que o envio seja feito para um representante e essa pessoa fica encarregada de distribuir localmente os cafés. Caso opte por essa opção, não deixe de solicitá-la no preenchimento do formulário. 5- Agradecimentos Um grandíssimo obrigado aos colegas e membros que estão sempre nos apoiando com sugestões e críticas para melhorar cada vez mais nossas Compras Coletivas; ao Cândido; ao amigo Renato barista daqui de BH que apresentou o café da Faz. Boasorte e que está nos ajudando na intermediação da negociação; a Guiga, representante de vendas da Faz. Mantissa que foi tão solicita com relação aos nossos pedidos. Att, Igor
  11. Mostre a sua Torra

    Salve Galera Afim de todos aprenderem mais sobre a torra, que tal cada um mostrar seus resultados em fotos e dizer qual grão utilizou, temperatura e tempo da torra? abs a todos
  12. Olá! O meu nome é András e sou voluntário em Vila Nova de Famalicão, numa organização não-governamental chamada YUPI. Venho pedir alguma ajuda para um novo projeto! Queria fazer um projeto sobre café, incluindo a história do café, modos de preparação, diferenças entre tipos de café e outras coisas. A ideia é partilhar informação sobre café, explicar porque é que é melhor beber café de boa qualidade e fazer um workshop algures na cidade. Já estive a procurar lojas/pessoas em Famalicão, que pudessem ter café verde para torrar, moer, etc., mas infelizmente não encontrei parceiro para este projecto. Assim, se pudessem ajudar-nos, precisamos de contactos de lojas/pessoas que queiram fazer uma apresentação, ou uma loja onde possamos encontrar grãos de café e/ou possam trazer/fazer utensílios para demonstrar. Também gostávamos de demonstrar processamentos de café alternativos, como vacuum-pot, french-press, café turco, aeropress, ou outros, assim como a diferença entre torrefacção do tipo francês, italiano, etc. Obrigado
  13. Atenção torrefadores domésticos: Martins doou 4 kg de grão verde fermentado por 48 horas em água. É o que ele chama de acidez média. Quem provou antes o Velvet Touch ou o Acid base, esses seriam acidez baixa (24 horas fermentando) O antigo Acid Lover fermentava por 72 horas. Acidez alta. O mais punk deles. Nesta fermentação de 48 horas, a levedura fica no tanque com o café COM água por 48 horas (há o mesmo processo sem água, ainda mais rápido). Considerar então se você gosta de um café ácido antes de entrar no sorteio. Os grãos vão de presente para os interessados, mas solicitaremos o pagamento do frete, já que o Clube está sem verba. São 4kg, grão verde (é bom reforçar: para ser torrado em casa). Havendo poucos interessados, sorteamos e enviamos 2 kg para cada um. Se tiver muitos interessados, fazemos 4 pacotes de 1 kg cada um e enviamos um pacote de 1 kg para cada. Os correios estão em greve, portanto temos uns dias para organizar isto e enviar após o fim da greve. Povo de Sampa pega em mão, pois o café está aqui. Para calcular o frete, use o cep 02430-971 e pacote acima de 2 ou 3 kg como base. Anotem neste tópico o próximo número da lista e seu nome. Alguém puxa o nr 1? Boas torras.
  14. Olá colegas Home Roasters, é com grande prazer que dou abertura para a nossa segunda Compra Coletiva de 2015, a última da safra 2013/2014. Como teremos vários novos membros do clube que irão participar da Compra pela primeira vez, irei explicar bem detalhadamente o que é e como funciona. ---- Índice: 0- Introdução 0.1 O que é a Compra Coletiva 0.2 E quem lucra com isso? 0.3 Riscos 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar 1.2 Previsões e Prazos 2- Os Cafés 2.1 Fazenda Ninho da Águia 2.2 Sítio Santa Rita 2.3 Faz. Ouro Verde 3- Pagamento 4- Envio 5- Agradecimentos ---- 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva: Comprar grãos crus de qualidade e em poucas quantidades é uma tarefa árdua e dispendiosa. Desta forma, a solução mais simples é a união. A Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nos unimos para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e a preços mais acessíveis, tentando valorizar, quando possível, a negociação direta com o produtor e o Comércio Justo. 0.2- E que lucra com isso? A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos, como ligações interurbanas para negociar os cafés, embalagens, caixas e gasolina para transportar as encomendas até os Correios. É complicado estimar o quanto está sendo gasto em cada compra, mas posso afirmar que só tive prejuízos até hoje. Não acredito que eu tenha que bancar todos esses custos sozinho, por isso acrescentarei em cada quilo de café um valor de ajuda de custo de R$ 1,00. 0.3- Riscos: Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Digo isso, pois na última compra coletiva uma das encomendas atrasou bastante e a pessoa que iria receber os cafés ficou me pressionando. No fim o café acabou chegando, mas isso me alertou para o seguinte fato: não é minha responsabilidade restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida pelos correios. É claro que acreditando na união que temos aqui no Clube, tenho certeza que haverá um esforço coletivo para ajudar ao máximo a pessoa lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar: Se você está de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo, então basta preencher o formulário a seguir com os dados que lhe serão requisitados. Caso não esteja familiarizado com a Compra Coletiva, peço que leia tudo até final antes de preencher. O prazo limite para preenchimento do formulário é até dia 13/06. Formulário: Encerrado! Respostas: Removido! 1.2 Previsões e Prazos: De acordo com minhas previsões, todos os cafés estarão comigo até o dia 26/06. Somente a partir do dia 29/06 é que começarei a despachar as encomendas. 2- Os Cafés 2.1 Faz. Ninho da Águia: Este café não precisa de apresentação. Quem já provou sabe do que estou falando. Dessa vez o Clayton separou para gente um Blend que foi colhido no final de Setembro. Segundo ele é um café para mais de 84pts. Não tive oportunidade de experimentá-lo ainda, mas conhecendo o Clayton e a Faz. Ninho da Águia, imagino que não haverá decepções: Fazenda Ninho da Águia - Frutado Carmem Miranda Alto Caparaó/MG Matas de Minas Altitude: 1.100m ~ 1.400m Variedades: Catuaí Vermelho e Catuaí Amarelo Processo: Natural Produtor: Clayton Valor da Saca: R$ 1.500,00 com frete e ICMS inclusos Quantidade disponível: 60kg Valor Final por Quilo: R$ 25,00 + 1,00 = R$ 26,00 2.2 Sítio Santa Rita/Café Campo Mistico: Este é o café do casal mais querido do fórum, que quando comercializado por eles saí com o nome Campo Mistico. São pessoas que valorizam o que fazemos aqui e acredito que devemos valorizar o esforço deles em produzir cafés de qualidade também. Esse café é o mesmo Mundo Novo da última Compra Coletiva, só que dessa vez é referente a um talhão diferente. É um café sombreado que ficou muito especial. Já tive oportunidade de torrar 4 batches dele e todos ficaram excepcionais. É um café muito doce, com corpo razoável, acidez média e notas bem características do cafés do SStR: chocolate, amendoas e nozes. Segue Resumo: Sitio Sta Rita de Cassia - Lote L1 ou Lote do Luke Bueno Brandão/MG Montanhas do Sul de MG Altitude: 1.100m Variedade: Mundo Novo Processo: Natural / Seco em terreiro de concreto Produtor: Valmor e Adriane Preço da Saca: R$1.500,00 com frete e ICMS inclusos Quantidade Disponível: o tanto que precisarmos! Valor Final por Quilo: R$ 25,00 + 1,00 = R$ 26,00 2.3 Faz. Ouro Verde: Este é o café que entrou aos 45min do segundo tempo. Uma boa oportunidade para conhecermos cafés fora do eixo MG/SP, pois se trata de um café baiano. Não cheguei a provar o café que o Cândido irá mandar, mas imagino que se seguir o mesmo padrão de seus outros cafés, será um espetáculo: Faz. Ouro Verde Piatã-BA Altitude: 1.300m Variedade: Catuaí Processo: CD Produtor: Cândido Ladeia Rosa Preço da Saca: R$1.800,00 com frete e ICMS Quantidade disponível: 60kg!!! Valor Final por Quilo: R$ 30,00 + 1,00 = R$ 31,00 3- Pagamento Após a data limite para preenchimento do formulário eu irei entrar em contato com cada um de vocês passando os dados bancários para transferência assim como o valor completo: Café + Frete. O pagamento é à vista e mediante a uma transferência bancária para minha conta no Banco do Brasil. Assim que eu confirmar a transferência eu colocarei um OK na planilha avisando que o pagamento foi confirmado. 4- Envio O envio será feito logo após a confirmação do pagamento e dentro dos prazos estabelecidos em 1.2. Uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte é o Envio Coletivo. Ele funciona da seguinte forma, ao invés de fazer remessas individuais para várias pessoas da mesma cidade, os membros regionais se organizam para que o envio seja feito para um representante e essa pessoa fica encarregada de distribuir localmente os cafés. 5- Agradecimentos Como sempre gostaria de fazer alguns agradecimentos. Primeiro os amigos Valmor, Burny e Torres. Esses caras tão sempre me dando um grande suporte pelos bastidores Compra Coletiva. Em especial para o Valmor, que topou mais uma vez participar da compra com o café dele. Gostaria de agradecer também ao Clayton que tem se tornado um grande parceiro do Clube e ao Cândido, um grande futuro parceiro, assim espero... Att, Igor
  15. Café verde consulta

    Bom dia a todos! Sou sócia-fundadora de um e-commerce de cafés especiais chamado GrãoGourmet.com. Nós compramos microlotes muito bons do Brasil, torramos (em um parceiro) e enviamos mensalmente na casa dos nossos assinantes. Visitem o site para mais informações: www.graogourmet.com Um de nossos clientes sugeriu que fizessemos a assinatura de café verde também, onde a cada mês você recebe uma quantidade fixa de um microlote diferente. Quero saber quem tem interesse nessa modalidade de compra e gostaria de algumas opiniões também. Um forte abraço!
  16. Fornecedor de café cru.

    Olá pessoal, tudo certo? Seguinte, eu e minha namorada estamos Com Um Projeto Aí™ de fazer uma cafeteria com o objetivo de mostrar e vender às pessoas cafés especiais. Ou simplificando, o que seria um café bom, por um preço acessível. Só que estamos com um pequeno problema: como conseguir um fornecedor de café? Eu estava pensando em comprar em um café que curto muito aqui em Floripa, que é o Café Cultura, mas não seria correto eu comprar o café deles, e vender pra eu lucrar, sabe? Eu precisaria de um fornecedor, aprender a torrar em casa e mandar bala. Na semana que passou, andei lendo muuito sobre torra doméstica e decidi que irei com o bolinha! — (Só preciso achá-lo pra comprar, ou comprar no ML mesmo). — Então é isso; to precisando de um fornecedor de café verde (de qualidade). Alguma alma saberia me informar algo sobre? Abraços!
  17. Café Verde Cru

    Bom dia pessoal, Sou novo aqui no forum mas trabalho com café a algum tempo. Sou de uma pequena torrefação do Sul de Minas.E tenho sempre bons cafés aqui. Tenho uma marca de café gourmet a Café Creme Gourmet e vou começar a vender alguns blend ainda cru. Segue meu site: www.espressocafecreme.com Qualquer duvida ficarei feliz em responder. Obrigado Patrick Paparidis Brancher
  18. Salve. O Café Expresso Brasil participará do 13º Concurso Estadual de Qualidade do Café de São Paulo, novamente associado ao parceiro Victor, agora com o Origem. Os 10 finalistas, distribuídos em 3 categorias, sendo 4 do processo Cereja Descascados (CD), 4 do Natural (Nat) e 2 de Micro Lotes (ML), apresentaram pontuações entre 8,51 para um dos Nat e 9,07 para um CD que foi o grande campeão do Concurso. Pela avaliação do juri são ótimos cafés. As notas sensoriais, bem distintas entre si, induzem à compreensão de boa variedade de opções. Curioso é que algumas características não são comuns aos cafés produzidos em SP e remetem a cafés de outras regiões produtoras do Brasil. Talvez seja resultado da safra atípica em função das condições climáticas experimentadas. De qualquer modo, veio-me à lembrança a música do Renato Russo: " Festa estranha com gente esquisita...". Mas nós estamos legais e ainda aguentaremos muitos cafés excelentes. O leilão se encerra ao final da tarde da próxima 5ª feira - 06/11- e o resultado será divulgado em 12/11 conforme anunciado ou 14/11 conforme escrito no Regulamento (vai entender??????). Já com amostras, vamos prová-las e decidir em quais dar lances. Agora é hora de analisar com muito cuidado, não só as características de cada café, mas também a possibilidade real de lograr êxito no/s lance/s que nos habilitem comprar cafés especiais por preços aceitáveis e oferecer esses expoentes da produção cafeeira de São Paulo aos companheiros do CdC. http://www.sindicafesp.com.br/noticias/Regulamento_13_Concurso_2014.pdf
  19. Café Verde

    Alguém conhece um lugar legal que venda café verde? Conheço a Unique Cafés, mas gostaria de experimentar outros... Os lugares que eu encontro só vendem em grande escala, quero algo para torra caseira, como por exemplo existe a Roastmasters.com para os americanos.
  20. Hoje, 24 de maio, é o dia nacional do café e a lojinha quer incentivar o consumo de nossos ótimos cafés gourmets. Para isto está oferecendo 50% de desconto no preço do kg do café verde disponível em nossa lojinha: de R$ 18,00 por R$ 9,00. Trata-se de um Bourbon amarelo, processado como cereja descascada e proveniente da famosa região das matas de Minas. Queremos que quem ainda não provou este café tenha nesta data um bom argumento para torrar estes grãos em casa. A promoção é válida entre as 15h do dia 24 de maio até 15h de 25 de maio de 2013, ou até o fim do estoque (caso isto ocorra antes do prazo acima). Aproveite! Para quem não conhece ainda a lojinha: http://cafe.com.vc Promoção encerrada devido ao fim do estoque.
  21. Segue a reportagem: http://m.noticias.uol.com.br/ultnot/cienciaesaude/ultimas-noticias/efe/2012/03/27/consumir-graos-de-cafe-verde-ajuda-perder-peso-diz-estudo.htm
×