Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
luvasgloves

Aeropress X Moka X V60

Recommended Posts

luvasgloves    0

  Considerando a diferença de preço entre os três (aparentemente só recomendam Mokas da Bialetti por aqui, que são bem caras), qual dos três daria um café com resultado mais próximo de espresso, encorpado, valendo mais a pena? Recomendam Pressca? 

Share this post


Link to post
Share on other sites
MaLeandrini    17

Não sei de onde vc é, mas procure uma boa cafeteria e tente provas os 3 metodos e veja a diferença entre eles!
MOKA - cafe mais forte que assemelha um espresso

PRESSCA - mistura de aeropress com prensa francesa, meio que um coado mais intenso, com mais oleos e mais corpo.

AEROPRESS- feito sob pressao manual, quase o mesmo resultado, varia de corpo com relação ao tempo de contato.

V60 - tipo melitta, coado com corpo suave e geralmente sabor adocicado e boa acidez

Acho que o que te agradaria seria a moka, porém dependendo de preços vc encontra Nespressos (e afins) usadas na net por um valor proximo a uma bialetti nova.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
bluecoffee    8

Eu já fiz café nas Mokas xingling sem problema nenhum. Tendo dito isso, você pode comprar uma cafeteira dessas por uns 60 reais.

Todos os métodos tem suas diferenças nem por isso um é pior ou melhor que o outro. É questão de gosto.

Invista num moedor assim que puder. É o melhor investimento que você pode fazer.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cabral    2,314
15 horas atrás, bluecoffee disse:

Eu já fiz café nas Mokas xingling sem problema nenhum.

eu teria cuidado com as implicações dessa afirmação, pois uma coisa é não ter tido problemas, outra é ter obtido bons resultados. Não gostei dos resultados das "mokinhas chinesas baratinhas" nem da "nem tão barata" cafeteira italiana da Brinox (ganhei uma), pois o sabor não fica tão bom... Mas essa é a menor das preocupações.

O fato de não ter tido problemas é algo estatístico.

Num evento sobre "métodos" que participei, 30 pessoas receberam cafeteiras italianas "xing-ling" para treinar antes de uma "competição". Na primeira hora de treino, 2 delas deram defeito na válvula de segurança e perderam pressão antes de alcançar o ponto de extração. Pior, uma delas "escapou" a rosca durante a extração e a metade de cima foi projetada ao teto, sujando e queimando alguns de nós. Ou seja, 10% de falhas sendo 3,3% de falhas catastróficas nessa amostragem.

Por sorte os fogões eram daqueles elétricos de um aquecedor, estávamos distantes uns dos outros nas bancadas, senão teria havido mais gente queimada e suja.

Imagino que haja marcas melhores e piores na China, mas sem controle de qualidade e sem a necessidade de respeitar uma tradição de marca, de poder ser responsabilizado por problemas futuros, não tem motivo pra um fabricante respeitar normas e regras. Vendeu e funcionou por um tempo suficiente para "perder a garantia", já basta. Quando alguém tentar processar, a empresa já fechou e virou outra coisa.

Em casa, eu uso a mesma Bialetti de 3 xícaras faz uns 8 anos, e a anterior usei por uns 12 ou 13 até a empregada colocá-la na lavadora de louças e estragá-la (alumínio ficou preto e soltando óxido). Nunca tive defeitos nem problemas com nenhuma delas, fora trocar o anel de vedação quando o mesmo se desgasta.

Nem vou falar da possibilidade de haver elementos tóxicos ou cancerígenos no acabamento do metal... algo assustador, né?

Na minha opinião, usar uma xing-ling é coisa pra quem curte aventuras de alto-risco. Ou pra gente sortuda e desencanada.

Particularmente, como anunciaram que a Bialetti está em processo de falência (foi morta pela concorrência desleal das imitações chinesas), devo comprar umas 2 ou 3 enquanto ainda tem no mercado e guardar pra ter boas cafeteiras italianas até pra deixar de herança...

Mas isso é só minha opinião. Cada um faz o que achar melhor...

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bruno Marinho    1,629

em todos os métodos é possivel obter um café mais concentrado ou mais diluido, visto que isso é
caracteristica mais da receita do que do método/ferramenta.

Vale lembrar que café proveniente de métodos que utilizam filtro de metal podem influenciar no
aumento de colesterol para quem tem problemas com isso.

  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Carneiro    1,519

Boa, @Cabral, ia falar exatamente isso, cuidado com o N pequeno, no caso 1! Ainda mais para confirmar a qualidade de um produto.

Apesar de aumentar ou diminuir a diluição ser possível em qualquer método, cafeteira italiana e espresso (pra mim, italiana é espresso, só que com pressão baixinha) usam da mesma proporção tradicional de 7g de pó (ou até mais hoje em dia, chegando a 12g!) por xícara, e claramente TDS maiores, de 8% ou mais.

Apesar terem mostrado que cafestol e caveol (mais presentes nos métodos não filtrados por papel) podem aumentar o colesterol, tomaria essa informação com cautela. Pelo que li por cima, o aumento foi de 10-12% num estudo nos anos 80, e a quantidade de ingestão diária era alta. Claro que se a pessoa tem problema de colesterol ou nos exames tá achando estranho o número que aparece, deve avaliar com todos outros fatores (alimentação e exercícios físicos). Ao mesmo tempo, vários benefícios relatados do café vêm também do cafestol e caveol...

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
bluecoffee    8
On 12/15/2018 at 1:57 AM, Cabral said:

eu teria cuidado com as implicações dessa afirmação,

Eu concordo com tua afirmação. A sorte que eu tive com as xing ling que experimentei pode não ser a mesma para todos. Infelizmente tem de tudo nesse mercado chinês pirata: válvulas com defeito crônico de fabricação até o uso de ligas desconhecidas.

E não acredito que a Bialetti foi morta pela concorrência chinesa. Tem sido má gestão, puro e simplesmente. Veja a quantidade de utensílios de cozinha que eles fabricam e você verá que tem falta de foco.

Share this post


Link to post
Share on other sites
rdrosa    27
Em 13/12/2018 at 13:52, luvasgloves disse:

  Considerando a diferença de preço entre os três (aparentemente só recomendam Mokas da Bialetti por aqui, que são bem caras), qual dos três daria um café com resultado mais próximo de espresso, encorpado, valendo mais a pena? Recomendam Pressca? 

Eu particularmente ja tentei usar bialetti moka no passado e nao acertei. Claro que nao sabia nem tinha nocao o que tenho hoje que nao e muito, mas era menos ainda. E nunca acertei

Cada uma tem um sabor bem diferente. A aeropress mesmo ja tem um sabor bem mais forte do que a french press, v60 etc.

Mas segundo a pergunta acho que a moka vai te aproximar mais do espresso. Como tambem ja falaram o sabor e corpo tambem depende da proporcao agua/cafe, tempo de extracao etc.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Ana Reut    6

Eu uso os três métodos com frequência.

MOKA: Definitivamente moka se assemelha mais ao espresso. Nós curtimos um café de moka logo após o almoço. O café sai bem encorpado.

AEROPRESS: Adoro a praticidade da AP pra fazer café só pra mim de manhã mas não consegui ainda o resultado que me deixasse plenamente satisfeita. Sempre tenho a sensação de o café sair um pouco mais ácido do que eu gostaria. Também tenho o filtro de metal IMS mas no fim das contas eu curto mais o de papel mesmo. Sempre passa um fine, não tem jeito.

V60: Aqui em casa campeão mesmo é o V60. Nada melhor que uma bela canecona pela manhã

Não tenho uma prescca mas não brilhou meus olhos comprar uma. Mas fiquei bem curiosa com a impress...

Enviado de meu XT1635-02 usando o Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now


×