Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble

ronaldom1

Senior Members
  • Content count

    89
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    2

ronaldom1 last won the day on February 11

ronaldom1 had the most liked content!

Community Reputation

97 Neutro

1 Follower

About ronaldom1

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Belo Horizonte
  • Equipamento
    Moedor Rocky; Moka; French Press; Gaggia Evolution; Hario V-60.

Recent Profile Visitors

1,294 profile views
  1. ROAST Cafés - Pré Black Friday - Exclusivo CdC

    Excelente notícia... já garanti o meu!!!!
  2. Legal, pode contar comigo... tudo o que aprendi e aprendo diariamente no fórum... dava uma grana em cursos..etc.... mais do que justo auxiliar na manutenção dos custos. Abraços
  3. Qual a maquina deve comprar

    Olá Karina, tudo bem? A pergunta principal que deve se fazer é se deseja apenas apertar o botão e ter o seu café, de forma rápida e prática.... ou se deseja entrar no hobby do preparo de café e casa - comprar café fresco em grãos, moedor, acertos no preparo, etc..... Se a resposta for a primeira e a baixo custo não vejo outra opção melhor que uma máquina de cápsulas. Como citou que tinha/tem? a mimo da 3 corações... imagino que deseje partir para as máquinas semiautomáticas, a Mondial C08 é sim uma boa pedida e as Gaggias usadas também são excelentes... como máquinas de entrada e para o que se propõem. Abraços e bons cafés
  4. Olá. Vendeu o Bravo Mini?

  5. [VENDIDO] Moedor Bravo Mini

    Olá Fabrício. O Bravo mini foi vendido? Tenho interesse.
  6. Melhor prensa francesa para Latte Art

    Faço bastante leite na prensa francesa... já percebi o que os colegas aqui no fórum já citaram: consigo consistência parecida com a vaporizacao feira na máquina.... mas o sabor, percebo hoje mais adocicado quando valorizo na máquina. O que não desmerece a French Press para bater o leite, rápida e prática. Algumas observações práticas... sem nenhuma ciência envolvida... Ok? 1- Já usei uma Brinox e uma genérica bem simples - não vi diferença em qualidade final de resultados. 2- Prefira usar uma mais simples, já que o movimento de bater o leite acaba estragando a tela/filtro mais rapidamente. 3- Por último na prensa maior de 600ml consigo um resultado mais adequado para o Capuccino com o leite e espuma mais espessos.... já na menor de 300 a 350ml tenho mais facilidade em conseguir a consistência ideal para o Latte Art... como disse não sei explicar.... mas observei este fato nas repetidas utilizações.... talvez tenha relação com o menor diâmetro da de 300ml e menor área de atuação da tela/injeção de ar no leite. Abraços.
  7. Breville "the Infuser" (BES840XL)

    Bom dia! Escrevo neste tópico com o objetivo de evitar novo tópico. Minha questão é que estou de olho na Breville 840 há algum tempo, mas sempre surge a dúvida do real ganho possível em relação ao equipamento que possuo hoje. Hoje tenho uma Gaggia Evolution uma SB. Gosto da máquina, compacta e aquecimento rápido. Faço basicamente café, já troquei o braço dela pelo da rancílio silvia, melhorou um pouco a vaporização, mas já me acostumei a texturizar o leite na prensa francesa... então o vapor não seria grande problema para mim. Tenho um pouco de dificuldade com a questão de temperatura, estabilidade e manter a consistência dos shots... sigo orientações de surfing e melhora um pouco, mas ainda assim frustrante em alguns momentos. Meu moedor é um Rancilio Rocky. Em relação a Breville 840: Como possui o PID, deixa de ter esta necessidade do surfing, correto...mantemos apenas um expurgo para retirar a água muito aquecida do grupo e encaixamos o portafiltro, correto? Ela faz o aquecimento da água por termobloco? As limitações dela são como de uma SB - em relação a fazer o café e vaporizar, um de cada vez? Enfim, se algué, já fez upgrade parecido, o resultado final em consistência, repetição dos shots, estabilidade de temperatura e facilidade de uso - significou uma real evolução em relação ao modelo antigo, ou acham que seria 6 por meia duzia... e o melhor mesmo seria manter a minha máquina e pensar em juntar e juntar... para algum upgrade futuro e mais caro??
  8. [VENDO] máquina de café La Spaziale S1 Vivaldi

    Olá @Walter.Cruz já vendeu a máquina?
  9. Olá Fabrício, ainda tem o Bravo Mini? Qual o menor valor possível?

  10. Saeco Poemia

    Olá!! Nunca tive a Poemia, mas tive a Mondial C08 e agora tenho uma Gaggia Evolution... imagino que ainda não tenha experiência com espresso e suas variáveis.... Impossível não é, mas extrair 10 shots (5 ciclos com 2 xicaras) em sequência e com consistência... acho complicado, trabalhoso e com elevado risco de comprometer o sabor final... São máquinas de entrada com pouca estabilidade na temperatura. Aqui em casa quando recebo mais gente sirvo sempre a French Press e no máximo um coado na hario. O espresso para mim é nós momentos de prazer, tranquilidade e calma... O processo de preparo é em si uma terapia, para mim... Abraços e bons cafés!
  11. "Não gosto mais" de espresso

    Olá João, para o espresso o grande caminho a percorrer em casa é o do domínio do equipamento + tipo de grão e parâmetros... com máquinas mais simples como a minha - Gaggia Evolution - o processo inicialmente é meio cansativo, até entendermos e dominarmos coisas como pré aquecimento do equipamento, porta filtro, xícaras...padronizar o início da extração ( surfing) e principalmente procurar grãos e níveis de torras que casem bem com o espresso e com o perfil do seu equipamento... uma vez feito isso... consigo hoje uma semelhança e repetição de shots de forma consistente... Acho um erro começarmos com todo o foco somente no espresso... mas foi assim comigo também... os demais métodos permitem um conhecimento inicial mais agradável e menos custoso sobre o mundo do café... e com excelentes resultados... Para mim cada um tem seu lugar... Abraços e bons cafés
  12. Um cafezinho chega a 100 reais ?

    Henrique, para mim isso significa pura e simplesmente o desejo do homem por exclusividade, ser único e pelo prazer... é assim em todos os níveis... apenas achamos que nos encontramos em um ponto de equilíbrio e que somos sensatos... mas no final é tudo igual.... só muda a referência... um café custar 35 reais o Kg pode parecer um absurdo ou excesso para uns... para outros custar 50, 100, 200 e por aí vai... Depois de um certo limite entre custo de produção, beneficiamento, marketing e divulgacao...O acréscimo de preço vem da raridade, exclusividade, prazer que determinado produto pode proporcionar... Até mesmo o prazer da identificação ou diferenciação social... Falando assim parece ridículo e talvez seja, está necessidade humana de afirmação... mas é assim que funcionamos... Abraços...
  13. Belas Extrações do Expresso

    Boa noite e bons cafés. Café da região Mantiqueira de Minas. Gaggia Evolution. Porta Filtro Naked
  14. Para quem deseja acompanhar os passos da Roast: https://www.facebook.com/roastcafes
  15. Café do dia a dia - bom custo / benefício

    Quanto a questão de preços acho que temos algumas questoes: 1- Alguns cafés se tornam itens de luxo e desejo, produção limitada e inflam o ego humano.... como vários e vários produtos em outras áreas.... neste caso não há relação de custo de produção e preço final... 2- No mundo do café acontece um fenômeno interessante de grandes compradores e exportadores que fazem a torrefação e distribuem para cafeterias e vendedores finais, muitos destes embalam colocam o logo da empresa e revendem.. aqui em BH já vi colegas discutindo nuances e notas de degustação destes cafés e no final a fonte e torra eram a mesma. 3- Não importo em pagar mais por aumento em complexidade do café.... mas que está cheio de armadilhas comerciais para vender o mesmo produto por um preço muito mas muito mais elevado, isso está! 4- Temos ainda a questão da sugestão, ao se comprar um produto mais caro temos a tendência de forma inconsciente a acreditar que teremos um resultado ou paladar melhor e por aí vai. Um exemplo, dei de presente para um colega um café do cerrado mineiro vendido aqui em BH na Minas State Coffee, perto de casa 50 reais o kg.... pegando o café diretamente com eles... meu colega disse que não gostou achou muito forte ! Dias depois me ligou dizendo que comprou um cerrado mineiro verdadeiro e maravilhoso e que iria trazer para mim... o café da Hunters Coffee.... exatamente o mesmo café que dei a ele e torrefação no mesmo local... mas eles abriram uma loja em região nobre, marketing etc e preço se 65 a 75 kg... Ele não sabia que era o mesmo e nem eu falei... deixa pra lá. Kkkkk 5- Por último, A última compra coletiva promoveu em mim uma verdadeira revolução... foi a primeira vez que percebi realmente um salto de qualidade na xícara substancial e aromas, sabores que nunca antes havia experimentado... Agora estou com um problema para manter o padrão Kkkkkk
×