Jump to content
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble
Strawberry Orange Banana Lime Leaf Slate Sky Blueberry Grape Watermelon Chocolate Marble

Search the Community

Showing results for tags 'torra domestica'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Café
    • Leitura Obrigatória
    • Café Torrado
    • Torra Doméstica
    • Cafeterias
    • Quando o Assunto é Café!
  • Equipamento
    • Técnicas e Dicas
    • Moedores
    • Máquinas de Expresso
    • Coado e afins
  • Dúvidas de Iniciantes
    • Dúvidas de Iniciantes
  • Outros Assuntos
    • Classificados
    • Fora de Foco
  • Informações
    • Novidades e Sugestões
    • Tutorial
  • Fotos, Fotos, Fotos...
    • Fotos, Fotos, Fotos...
  • Buscafé

Found 18 results

  1. Bom dia amigos, como muitos sabem. Estive na SIC agora em Novembro, e os meus principais objetivos eram 2. Provar o máximo de café possível, e pegar amostras com produtores que venho conhecendo ao longo do tempo, dos melhores e menores lotes possíveis. Assim dito: Alguns de vocês sabem, que no dia 01/12 promovi um cupping aberto aqui em SP com essas amostras, e pedi para o pessoal ( entre leigos e mais experientes ) me entregar os resultados. Entre cafés do Sul De Minas, Caparaó, Mogiana, Poços de Caldas, Matas de minas e Bahia - Os cafés da Bahia e matas de minas foram destaque total entre todos. Após esse Cupping, torrei novamente, fiz mais uma prova, e também fiz no espresso. Então, decidi ir atrás do Produtor e tentar negociar um pouco do lote Referente a Amostra que ele me entregou; e em conversa com os amigos, vamos disponibilizar aqui em forma de compra coletiva blza ? O Amigo IGOR e LUIS gentilmente nos vão ceder o site oficial da compra coletiva para ajudar a organizar tudo isso. Abaixo dados do café e da fazenda. __ Produtor Michael Alcântara __ Fazenda Divino Espírito Santo - Piatã - BA ( Chapada diamantina ). Serra da Tromba, entre 1300 e 1350 metros. __Variedade Catucai 7-8515 - Cereja Descascado. A Bebida, se apresenta com doçura Elevada, acidez bem presente ( não agressiva ) e na minha avaliação sabores de frutas cristalizadas ( tipo casca de laranja cristalizada sabe ? ). No espresso 20/40 de uma bebida muito complexa, doce, com ótimo balanço e retro gosto. O Produtor Michel, toca a fazenda junto com a sua família, esposa e filhos e o café deles vem ganhando diversas premiações sendo a mais importante ano passado o Premio ABIC que terminou com a venda da saca do lote para a 3 corações por 9 mil cada. -- IMPORTANTE: Vamos disponibilizar 117 kgs ( vou ficar com 3 ) duas sacas. Tudo dando certo, a gente fecha o pedido com o produtor amanhã no fim do dia, ele envia o café na sexta no máximo sábado. que poderá chegar no domingo para eu retirar, fracionar e enviar pra vocês já na próxima semana. ( não vou dar opção de JADLOG porque infelizmente não consigo ir em nenhuma agencia deles nos meus horários, então tem de ser sedex ou pac ). - VALOR DA SACA 1.500,00 - FRETE ATÉ SP DAS DUAS SACAS - = 200,00 - Valor por kg = 27,00 - Vou cobrar de vocês 29,00 só para ter uma sobrinha para retirar o café na transportadora, correio e etc blza ? Abaixo algumas fotos da fazenda, e minha com ele na SIC. Qualquer dúvida, só me chamar no zap 11 95550-6302 ou colocar aí nos comentários. Enquanto não abrimos, o site para pedimos, vamos comentando igual a outra vez, a quantidade e quanto falta, pode ser ? Alex Lima 3 kgs - Faltam 117. ( quando abrir o site, cada um só compra a quantidade que já colocou aqui, pra podermos dividir no máximo de pessoas possível blza ? )
  2. Como a torra doméstica tem crescido bastante no CdC (basta ver o sucesso cada vez maior das compras coletivas) e considerando que o mercado nacional é bem carente de equipamentos para esse fim, fiquei curioso em ver como o pessoal tem se virado pra torrar café em casa, seja com equipamentos importados (a duras penas) ou com adaptações em pipoqueiras, fornos, máquinas de pão, panelas etc. Então, inspirado no tópico Mostre Aqui o Seu Cantinho do Café, que é mais dedicado ao preparo do café (máquinas moedores etc.), achei legal abrir um Mostre Aqui o Seu Cantinho de Torra dedicado exclusivamente às nossas "ultra-nano torrefações" domésticas. A ideia aqui não é detalhar torras realizadas (pra isso já temos o Torrando hoje...) mas sim postar fotos do nosso cantinho de torra, muitas vezes adaptado, improvisado e ou itinerante dentro de nossos lares. Pra inaugurar vou postar o meu cantinho, que já teve várias configurações, com equipamentos e adaptações diferentes, em casas diferentes, mas que infelizmente não tenho registro fotográfico de todas. Por ter começado a me aventurar na torra doméstica com a PopFun e ter ficado com ela por muito tempo, segue primeiro a única foto (péssima) que tenho mostrando um plano mais geral do cantinho quando usava ela, em sua última configuração (com Arduino + Roastlogger): Atualmente continuo torrando na sacada do apartamento, mas agora não mais no chão e sim em cima do meu "home office" (é só uma escrivaninha mesmo). Uso um Philco Air Fry adaptado, com controle de calor pelo Arduino + Roastlogger, deixo um ventilador ligado atrás pra não aquecer demais e derreter as partes plásticas da carcaça (ainda tenho que resolver isso) e fico com uma lanterna em mãos pra checar visualmente os grãos durante a torra: E completa o cantinho o resfriador que fiz usando uma caixa de MDF (roubada da esposa) com a tampa cortada + tela de uma peneira pra feijão + ripas de madeira, para ser usado com o aspirador de pó:
  3. Olá amigos torrefadores domésticos e entusiastas do café, com o intuito de divulgar o trabalho da Compra Coletiva e reunir todas informações relevantes em um só lugar, estamos abrindo este tópico. Nossa ideia é manter aqui sempre atualizado com informações gerais e informações sobre a equipe responsável por organizar a compra. Começamos com algumas informações básicas: Organizadores atuais: @Igor e @Luis Paulo Instagram da Compra Coletiva: @comprecoletivo Site oficial: http://comprecoletivo.iluria.com/ E-mail para contato: comprecoletivo.cafes@gmail.com Para os produtores interessados em participar da Compra Coletiva, nos mande uma amostra. Nosso endereço é: Compre Coletivo Rua Boaventura, 919 Liberdade, Belo Horizonte/MG 31270-020 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva Comprar grãos crus de qualidade e em pouca quantidade para a torra doméstica é uma tarefa árdua e dispendiosa. De acordo com o que já vivenciamos aqui no fórum, a solução mais simples para esse problema é a UNIÃO. Desta forma, podemos dizer que a Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nossa comunidade se une para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e com um preço final mais acessível. Além disso, os cafés também são ofertados na opção TORRADO, onde realizamos uma grande Torra Coletiva de café, oferecendo desta forma os mesmos grãos na opção TORRADO para que não tem a possibilidade de torrar em casa. 0.2- Nossos Valores Acreditando que o comércio de café verde deve ser sustentável tanto para o consumidor final quanto para o produtor, tentamos sempre negociar diretamente com o produtor, valorizando sempre o Comércio Justo. Além disso, acreditamos na transparência de todo processo de compra que realizamos, por isso informamos sempre os valores que estão sendo pagos no café e o valor final de cada grão é calculado sobre o valor final da saca negociada! 0.3- Custos Operacionais A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos. Alguns desses custos são: ligações interurbanas para negociar os cafés, custos com frete para enviar e receber amostras, embalagens, caixas, gasolina para transportar as encomendas até os Correios e a mão de obra dos envolvidos. Apesar do nosso esforço, é difícil estabelecer o quanto está sendo gasto em cada compra. Desta forma, nossa estratégia é fazer um pequeno acréscimo para ajuda de custos. O valor acrescentado para o café VERDE é de R$ 11,00 fixos por quilo, onde já está incluso embalagens, frete dos cafés para BH e taxas de administração da C.C.; 0.4- Riscos Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Não é de responsabilidade do Clube do Café ou de qualquer organizador da Compra Coletiva restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida, danificada ou sofra qualquer acidente fora das posses dos organizadores. É claro que, acreditando na união que temos aqui no Clube, temos certeza que haveria um esforço coletivo para ajudar ao máximo, dentro do possível, a pessoa que, porventura, seja lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Regularidade da Compra Coletiva Trabalhamos para que ocorra duas Compras Coletivas regulares por ano, uma em cada semestre. Entretanto, caso haja uma oportunidade de pegar um café extraordinário, é possível que seja realizada uma Compra Coletiva fora as duas já mencionadas. Isso já ocorreu em duas ocasiões, onde pegamos o Campeão da Emater de 2014 e o 4º Colocado do Cup of Excellence de 2016. 1.2 Como Participar Para participar você precisa estar de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo. Os pedidos deverão ser realizados após a abertura da compra e mediante a escolha da quantidade de café desejado, assim como da forma de pagamento e envio conforme as orientações a serem estabelecidas. Só serão considerados os pedidos realizados pelo SITE da Compra Coletiva. A ordem do pedido é respeitada, assim como a quantidade de cafés disponíveis. Não fazemos reserva de café! 1.3 Compras Coletivas anteriores Compras Coletivas anteriores a 2014: aqui Compra Coletiva do Segundo Semestre de 2014: aqui Rubi lavado - Fazenda Esperança Catuaí Vermelho natural - Faz. Ninho da Águia Mundo Novo natural - Sítio Santa Rita / Campo Místico Forquilha do Rio - Janeiro de 2015: aqui Catuaí Vermelho CD - Faz Forquilha do Rio - Campeão da EMATER 2014 Segunda Compra Coletiva de 2015: aqui Catuaí Vermelho/Amarelo natural - Faz. Ninho da Águia Mundo Novo natural - Lote do Luke - Sítio Santa Rita / Campo Místico Catuaí CD - Faz Ouro Verde Terceira Compra Coletiva de 2015: aqui Catuaí CD - Faz. Ouro Verde Catucaí e Catuaí Amarelo natural - Faz. Mantissa Topázio Amarelo natural - Faz. Boasorte Primeira Compra Coletiva de 2016: aqui Catuaí Amarelo natural - Faz. Mantissa Catuaí Amarelo lavado - Brejetuba, Faz. Santa Clara Catuaí Amarelo CD - Eufrásio, Sítio Boa Vista Faz Ouro Verde - 4º Colocado do CoE: aqui Catuaí CD - Faz. Ouro Verde - 4º Colocado do Cup of Excellence Segunda Compra Coletiva de 2016 - VERDE e TORRADO: aqui Catuaí natural - Faz. Ouro Verde Catuaí Amarelo lavado - Brejetuba, Faz. Santa Clara Catuaí Vermelho CD - Faz. Forquilha do Rio Catuaí Vermelho natural - Faz. Ninho da Águia Primeira Compra Coletiva de 2017 - VERDE e TORRADO: aqui Obatã Amarelo natural fermentado - Irmãos Moscardini Obatã Vermelho natural - Sítio Canaã Catucaí Vermelho natural - Faz. Vargem Grande Catuaí Vermelho CD - Seu Juarez, Sítio Jequiri Segunda Compra Coletiva de 2017 - VERDE e TORRADO: aqui Catuaí Vermelho CD- Faz Forq. do Rio Bourbon Vermelho Natural - Café da Rosângela Bourbon Vermelho CD - Café da Rosângela IAPAR CD - Café do Leandro Catuaí Vermelho Natural - Café do Tino Catuaí Vermelho CD - Café do Paulo 1.4- Por trás da Compra Coletiva: Desde a Segunda Compra Coletiva de 2016 estamos fazendo um trabalho pós C.C. para passar informações sobre os cafés e formas de torrá-los. Nosso intuito ao fazer isso é abrir um canal onde o consumidor final pode bater um papo franco com o próprio consumidor final sobre os processos de colheita, pós colheita, beneficiamento e torra de café. É o Clube do Café fazendo sua parte para educar e conscientizar o coffee lover sobre a bebida café a partir do pé, além, é claro, discutir sobre as dificuldades e sobre o trabalho dos produtores. Torrando os Cafés da Segunda Compra Coletiva de 2016: aqui O Ddiário de uma Aventura Cafeeira: Conhecendo o Seu Juarez: aqui Torrando os cafés da Primeira Compra Coletiva de 2017: aqui O Diário de uma Aventura Cafeeira: Explorando as Matas de Minas: aqui Torrando os cafés da Segunda Compra Coletiva de 2017: aqui Alguns dos produtores que já tivemos o prazer de conhecer e registrar uma foto: Tiago, Fazenda Barinas: aqui Valmor, Sítio Santa Rita / Campo Místico: aqui Bruno, Fazenda Esperança: aqui Cândido, Faz. Ouro Verde: aqui Ivone, Brejetuba - Faz. Santa Clara: aqui Clayton, Faz. Ninho da Águia: aqui Seu Juarez, Sítio Jequiri: aqui Seu Afonso Lacerda, Forquilha do Rio: Seu Afonso, Igor e Luís 1.5- Compra Coletiva em números: Nestes últimos anos, estimamos que mais de 3 toneladas de cafés verdes foram repassadas para os membros do clube torrarem. Já trabalhamos com 15 fazendas diferentes de 4 estados e já tivemos acesso a café natural, lavado, CD e natural fermentado. Em termos de alcance, já enviamos cafés para 19 estados e para o Distrito Federal. Além disso, já enviamos cafés para os Estados Unidos. 2- Formas de Pagamento disponibilizadas Disponibilizamos duas formas de pagamento: Depósito Bancário e PAY PAL. O valor exibido no site é referente ao pagamento pelo PAY PAL. Para pagamentos por Depósito Bancário, onde as taxas de serviços do PAY PAL não se aplicam, há um desconto de 5%. As instruções para pagamento por depósito bancário serão exibidas somente após a confirmação do meio de envio ou da cotação do frete por transportadora ou do ENVIO COLETIVO. 3- Formas de Envio Há três opções para envio: Envio via Correios: PAC e SEDEX - Para esta modalidade o frete é calculado na hora ao finalizar o pedido; Retirada em mão em Belo Horizonte - Moradores de BH e região poderão retirar o café em mãos; ENVIO COLETIVO ou transportadora (pedidos acima de 12kg) - Pedidos acima de 12kg poderão ser orçados via Jad Log. Além disso o Envio Coletivo é uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte. Para participar do ENVIO COLETIVO basta fazer o pedido no site para reservar o café e escolhem a opção de envio chamada de ENVIO COLETIVO. Assim que os pedidos encerrarem, uma planilha será aberta com os pedidos individuais separados por região e um representante de cada região deverá se manifestar para receber um pacote com todos os pedidos. O representante é responsável por entrar em contato com a equipe da Compra Coletiva para passar os dados de envio e os participantes. Somente após essa etapa é que fazemos o cálculo do frete proporcional ao pedido de cada um e o valor é acrescentado no site individualmente. Em seguida, cada participante recebe uma mensagem avisando que o frete foi calculado e que o link para pagamento vai estar disponível no site da CC. Por fim enviamos todos os pedidos em uma única remessa para o representante e cada participante do ENVIO COLETIVO fica responsável por buscar com o representante. Caso opte por essa opção, você receberá o valor do frete após o encerramento dos pedidos da Compra Coletiva. Somente após o cálculo do frete que a cobrança é gerada. Grande abraço, Equipe Compra Coletiva
  4. Salve nação torrefadora doméstica, Seguindo com o roteiro das últimas Compras Coletivas, vamos oficialmente abrir o tópico de consulta. Como sempre, o nosso objetivo neste momento é falar um pouco do trabalho de pré seleção que já estamos fazendo, apresentar os prazos que temos em mente e abrir um canal para escutá-los, onde vocês poderão sugerir produtores que gostariam de ver na C.C. e/ou passar sugestões ou reclamações. É também do nosso interesse utilizar este tópico como termômetro para medir a demanda que vamos ter para a próxima C.C., então é muito importante que se manifestem sobre o interesse ou não de participar, dando uma ideia de quantos quilos desejam pegar desta vez. Para começar, caso não saiba o que é a Compra Coletiva ou caso tenha alguma dúvida sobre o seu funcionamento, sugerimos a leitura do tópico: Compra Coletiva do Clube do Café. Para se inscrever na nossa lista de e-mail onde passamos as novidades da C.C. e avisamos em primeira mão que os pedidos foram abertos, link aqui. Para obter atualizações mais rápidas sobre o andamento da Compra Coletiva e conhecer um pouco melhor os bastidores do nosso trabalho sugerimos que nos sigam no Instagram: https://www.instagram.com/comprecoletivo/ Vamos começar falando sobre novidades. Primeiramente gostaríamos de dizer que é do nosso interesse retomar aquele processo de escolha coletiva dos cafés, algo como foi feito na última compra do ano passado. Isso dá muito trabalho, pois é necessário conciliar as torras das amostras que são feitas aqui em BH com a disponibilidade de cada grupo de pessoas se reunir em determinada cidade para prová-las. Entretanto, como é algo que deu super certo e torna a escolha dos cafés mais democrática, é do nosso interesse repetir essa experiência. Vamos dizer aqui quais são as cidades que esperamos que entrem nesse processo e esperamos que cada lugar eleja um representante para ficar responsável por receber os cafés e organizar um encontro para os membros regionais provarem e escolherem os cafés. Esperamos conseguir atender umas 4 cidades, além de Belo Horizonte, e vamos dar preferência para as localidades que possuem a maior quantidade de membros participantes nas últimas Compras Coletivas. Nossas sugestões: São Paulo; Campinas; Goiânia; Porto Alegre. Agora sobre o funcionamento da Compra Coletiva. Nossa ideia é manter a mesma receita da última vez. Disponibilizaremos cafés verdes e torrados e vamos manter o acréscimo fixo de R$ 10,00 por kg do café verde, assim como o cálculo para o preço final do torrado. Está longe de ser o ideal, sabemos disso, mas na última Compra Coletiva foi a primeira vez que não tivemos prejuízos para que vocês recebessem o café em casa. Nossa ideia sempre foi manter o valor final do café o mais baixo possível e isso continua sendo uma das nossas metas. Com os novos contatos de produtores e, principalmente, com o aprimoramento da nossa capacidade de avaliar café, estamos tendo acesso a cafés com a mesma qualidade e padrão que já estão acostumados na C.C. por preços mais acessíveis. Isso é possível, principalmente, por fugir de grandes produtores, onde pagamos um preço a mais pelo nome da fazenda que vai estampada na sacaria. Nosso objetivo vai ser tentar compensar o valor fixo que acrescentamos por quilo, ao buscar cafés com custo benefício melhor. Claro, mantendo sempre os nossos princípios de negociar direto com o produtor e pagar um preço justo. Passamos ao que interessa então, os cafés. Desde o final da última Compra Coletiva eu e o Luis já estamos fazendo um trabalho de pré seleção de cafés. Nosso objetivo é conhecer o máximo possível de produtores para ter uma boa rede de contatos. Aproveitamos também algumas oportunidades para visitar certas propriedades, estivemos já nas regiões do Sul de Minas (mais precisamente Três Pontas), Chapada de Minas (Capelinha) e Caparaó (várias cidades da região). Já provamos uma grande quantidade de cafés. Inicialmente nossa ideia é tentar trazer para C.C. regiões novas, que nunca foram contempladas, mas isso é algo que depende muito da disponibilidade de bons cafés na época da Compra Coletiva. Gostaríamos muito de poder oferecer cafés das regiões da Chapada de Minas, Mantiqueira e Norte Pioneiro do Paraná, então vamos aguardar o desenrolar dos próximos capítulos. E aliás, se conhecerem produtores dessas regiões, nos avise. A grande novidade com relação aos cafés é uma negociação que estamos fazendo com um produtor para conseguir um lote exclusivo para CdC, ou seja, um café que só a gente vai ter. Em breve devemos trazer mais informações sobre ele. Por fim, vamos falar de prazos. Há basicamente 4 etapas para a compra sair: Pré seleção das amostras: é o que está rolando agora, onde eu e o Luís vamos escolher uns 10 cafés que achamos interessantes para passar para etapa de seleção. Esperamos ter feito a pré seleção até uns 5 dias após o encerramento da SIC, que vai ser onde provaremos uma grande quantidade de cafés candidatos a entrarem na C.C. Prazo para pré seleção dos cafés: até 31/10. Seleção: é a etapa onde os grupos regionais escolhem os cafés que já foram pré-selecionados. Poderão ser 4 ou 5 cafés dependendo da disponibilidade e oportunidades apresentadas. Essa etapa é muito importante que ocorra da forma mais rápida possível, pois uma vez que o produtor coloca o café dele a venda no mercado, é muito difícil convencê-lo a segurar o café por muito tempo. Então precisamos ser rápidos para garantir que os cafés que vamos provar estarão disponíveis para venda ao final do processo. Para tanto já vamos sugerir uma data para que os encontros regionais ocorram para que provem os cafés, no final de semana do dia 10/11. Vamos colocar o prazo para a seleção dos cafés até 12/11. Negociação com os produtores e envio das sacas: esse é um período demorado, em geral os produtores pedem alguns dias para enviar os cafés e precisamos contar com tempo que gastam para chegar até a gente. Esta é a etapa mais difícil de estimar prazo, pois caso um café atrase, ele atrasa a compra coletiva inteira. Vamos trabalhar para que todos os cafés estejam com a gente até o dia 01/12. Fracionamento dos cafés, torra e envio: Esse processo não costuma atrasar muito, uma vez que os cafés estão aqui tudo só depende da gente. Prazo para finalizar os envios: até 15/12 Sabemos que essa época de fim de ano é complicada para os correios e está longe de ser o ideal. Contudo, para termos uma maior variedade de cafés disponíveis, conseguindo fazer duas compras coletivas no espaço dos 7 meses do ano onde é possível comprar cafés da safra atual, essa é a solução. Para driblar a questão dos correios, podemos sempre trabalhar com transportadoras. Inclusive vamos correr atrás para que nesta Compra Coletiva seja possível enviar o café por transportadora para as regiões do Norte e Nordeste. É isso pessoal, aguardamos o retorno de vocês e estamos a disposição para tirar qualquer dúvida. Grande abraço, Igor e Luís
  5. Coffee roaster no Ebay

    Alguém do fórum conhece esse torrador de café, achei ele no Ebay. http://www.ebay.com/itm/220V-1200W-Household-Coffee-Roasters-Coffee-Bean-Roasting-Machine-Baking-Machine/232441039514?_trkparms=aid%3D222007%26algo%3DSIM.MBE%26ao%3D2%26asc%3D47507%26meid%3D226817deeb344f319ddbbeb7a892b1d4%26pid%3D100005%26rk%3D5%26rkt%3D6%26sd%3D282312639888&_trksid=p2047675.c100005.m1851
  6. Boa noite pessoal, primeiramente gostaria de parabenizá-los em manter esse excelente site !!!! Bom, tentarei não ser muito extenso ... iniciei essa semana tentativas de torras de grãos pela primeira vez, após ler bastante tanto aqui como em outros canais, fiquei muito interessado em tentar melhorar a qualidade dos grãos que uso aqui em casa, na cidade onde moro , Guaratinguetá-SP, aqui simplesmente não vendem grãos torrados de boa qualidade, as cafeterias não vendem apenas utilizam em suas máquinas, pelo menos não achei até o momento, procurei muito sem sucesso, oque está disponível são somente os fornecedores tradicionais de supermercado ( industriais ) com aqueles grãos torrados sabe lá quando .. muito ruim !!! por isso decidi começar a torrar em casa pois realmente o assunto é muito contagiante e após ler os comentários de vocês fiquei muito interessado em aprender essa técnica. Comprei os grãos verdes essa semana, 2kg para aproveitar o frete rsrsrs . . . . o fornecedor disse que a média de nota é 86 ( assim espero rs ) , o anúncio do fabricante diz : "SAFRA CORRENTE 100% ARÁBICA, TIPO 3/4, METODO DE PREPARO DO CAFÉ É DESCASCADO E SECO EM TERREIRO DE ASFALTO, COM BEBIDA ESTRITAMENTE MOLE." sendo assim pelo que provei achei melhor que os que comprava no supermercado pelo menos rsr rsrs . . . sim já provei , não aguentei esperar os 10 dias de descanso após torra para expresso "rsrs" , provei alguns na cafeteira expresso e na cafeteira moka, achei interessante o sabor ! Mas adianto que não sou nenhum degustador profissional, apenas um curioso em busca de um bom café "rsrs" !!! Em relação as primeiras torras , realizei no forno a gás ( assadeira de blindex ) e em panela de ferro grosso em cima do fogão, ambos com resultados como informado acima satisfatórios mas podendo melhorar ainda mais , alias ainda muito mais .. pois foram as primeiras torras. Após ler muitos e muitos "posts" sobre torra, resolvi adquirir uma pipoqueira para tal finalidade, comprei a primeira que encontrei aqui na cidade, uma cadence 110v 1200W modelo pop movie, link do fabricante : http://www.cadence.com.br/pipoqueira-cadence-pop-movie/p . Ocorre que a pipoqueira desliga após alguns minutos de operação, geralmente no decorrer do primeiro crack ( por volta dos 3 minutos a 4 minutos ) utilizando cerca de 1/4 de xícara ( ainda não tenho balança, irei providenciar ) . Provavelmente devido ao sistema anti-aquecimento, se eu usar o produto para estourar pipoca ela não desarma, completa o seu ciclo de estourar pipoca usando 2 medidas ( que seria o máximo ) conforme o manual sem problemas algum, mas ao utilizar café ela desarma, provavelmente devido o tempo prolongado de uso e o aquecimento decorrente do processo. Isso ocorreu tanto com 1/4 de xícara de grãos verde como também com 1/2 xícara, notei que quanto mais grãos utilizar mais rápido ela desarma. Irei providenciar o dimmer para melhor controle, porém já queria desativar esse sistema de desarme automático antes mesmo de tentar com o dimmer. Desmontei ela , e tirei fotos do interior, a dúvida é como desativar esse desarme automático , desconfio que a válvula que faça isso é a que consta no anexo abaixo, atrás dessa válvula tem pasta térmica aplicada para melhorar a transferência térmica dele com o corpo de metal onde fica a resistência elétrica, responsável por gerar o calor onde é dissipado para o conjunto superior através da ventoinha que se encontra embaixo , gostaria se possível , por favor, se há algum eletrônico que conheça esse esquema ou outra pessoa que possua o conhecimento, pois para vocês com certeza é simples , minha área é outra é T.I, a dúvida é se seria esse dispositivo da foto o responsável pelo desarme, se for .. basta fechar esse circuito ? penso em duas formas de fazer : 1) desconectando os 2 conectores do cabo dessa válvula e ligando entre si , deixando a válvula sem uso algum , ou , 2) soldando um fio elétrico de mesma bitola diretamente nesses dois conectores fechando o circuito para sempre. Enfim , alguém de boa alma por favor para me ajudar ? Ficaria muito grato pelas sugestões visando uma solução para eliminar esse desarme totalmente indesejado, podendo assim concluir uma torra de meus grãos . Uma boa noite a todos ... e bons cafés !!!!
  7. Se tudo começa pela semente, porque não iniciar uma discussão pela sua conservação? Uma vez obtido o café cru de certa qualidade, tenho quebrado a cabeça sobre o melhor modo que poderia utilizar na sua conservação. No momento, parei aqui nessa garrafa pet. Prática sob vários aspectos, não sei se seria o ideal para o dia a dia. Se alguém puder contribuir, agradeço.
  8. ADIADA - A previsão de abertura dos pedidos para Compra Coletiva é dia 30/11. Fiquem ligados por aqui nessa semana!!!! Olá colegas, já faz um tempo que estou trabalhando na próxima compra coletiva de cafés. Para ser mais preciso, tenho trabalhado desde antes do fim da 1ª Compra Coletiva de 2016, a última que tivemos no clube. Para quem ainda não sabe o que é a Compra Coletiva: http://forum.clubedocafe.net/index.php?/topic/4558-1%C2%AA-compra-coletiva-de-caf%C3%A9-verde-cru-de-2016-mgesba/ Já caminhei bastante nas negociações e já tenho algumas amostras comigo. A ideia é avaliar e selecionar os cafés até a primeira semana de novembro e dar início a compra logo em seguida. Desta forma, minha previsão é que os cafés já estejam com vocês logo no início de dezembro. Gostaria de aproveitar o momento para escutá-los e saber se possuem alguma sugestão ou comentário sobre a Compra Coletiva. Gostaria também de saber se possuem algum café ou região que sugerem para entrar na próxima compra. Ainda dá tempo de buscar cafés diferentes. Aproveitem o momento. Além disso, quero adiantar para vocês que teremos algumas novidades para a próxima compra. Por enquanto manterei certo mistério sobre algumas delas, mas o que posso adiantar é que vou implementar uma nova modalidade na compra, a de café torrado. Ainda não tenho todos os detalhes acertados, mas o que é certo é que já busquei parceiros aqui em BH, microtorrefações, que toparam torrar grandes quantidades de cafés para a gente (claro que cobrarão por isso). Minha ideia é oferecer o mesmo café que será vendido verde na Compra Coletiva regular, só que torrado e em embalagem de tamanho único (provavelmente 500g). Trabalharei para oferecer o café torrado dentro de uma margem de R$ 70,00 a R$120,00 por quilo. Outras novidades vou soltando aos poucos, assim que forem se concretizando. Grande abraço e aguardo os comentários de vocês, Igor
  9. Olá colegas Home Roasters, chegou o momento da abertura oficial nossa Compra Coletiva, a primeira de 2016 e a última da safra 2015. Temos bastante orgulho de dizer que finalmente conseguimos lançar uma Compra Coletiva perfeita! Teremos desta vez cafés de altíssima qualidade, previamente provados e em quantidades para atender todos. Outro aspecto de grande relevância é que as embalagens serão substituídas por sacos Stand Up, com fechamento Zip Lock, próprios para café verde. Além disso, as caixas, que antes eram de produtos de mercado que buscávamos no comércio local, também serão substituídas por caixas mais resistentes e fabricadas sob medida. Aliado a tudo isso, conseguimos trazer para vocês o trio perfeito dos cafés brasileiros. Teremos o que há de melhor no cenário do café especial: Minas Gerais, Bahia e Espirito Santo. Na sequência trazemos o texto padrão das nossas Compras com a apresentação, riscos e prazos etc. Sugerimos fortemente que leiam tudo com atenção, em especial as seções de custos e riscos. O texto sofreu algumas alterações desde a última Compra. Caso você seja um membro experiente, com outras participações em Compras Coletivas e caso já esteja ciente dos cafés, preços e riscos, segue o formulário para preenchimento e oficialização dos pedidos: http://goo.gl/forms/hHpAMYnW1e Respostas atualizadas: https://docs.google.com/spreadsheets/d/1xxBQ_XMhaYF2gSOWxoCBEXycpX8HD4aJDGitXCNY5To/edit?usp=sharing ---- Índice: 0- Introdução 0.1 O que é a Compra Coletiva 0.2 Custos Operacionais 0.3 Riscos 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar 1.2 Previsões e Prazos 2- Os Cafés 2.1 MG/ Fazenda Mantissa - Lote BE16 2.2 BA/ Sítio Boa Vista - Eufrásio - Lote 11 2.3 ES/ Brejetuba 3- Pagamento 4- Envio 5- Agradecimentos ---- 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva: Comprar grãos crus de qualidade e em poucas quantidades é uma tarefa árdua e dispendiosa. Desta forma, a solução mais simples é a união. A Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nos unimos para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e a preços mais acessíveis, tentando valorizar, quando possível, a negociação direta com o produtor e o Comércio Justo. 0.2- Custos Operacionais A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos. Citamos ligações interurbanas para negociar os cafés, custos com frete para enviar e receber amostras, embalagens, caixas, gasolina para transportar as encomendas até os Correios etc. É complicado precisar o quanto está sendo gasto em cada compra. Desta forma, nossa estratégia é fazer um acréscimo mínimo, somente o suficiente para cobrir nossos gastos. Para esta Compra Coletiva será feito um acréscimo de R$ 3,00 por quilo para ajuda de custo. 0.3- Riscos: Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Não é de responsabilidade do Clube do Café ou de qualquer organizador da Compra Coletiva restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida, danificada ou sofra qualquer acidente fora das posses dos organizadores. É claro que, acreditando na união que temos aqui no Clube, temos certeza que haveria um esforço coletivo para ajudar ao máximo, dentro do possível, a pessoa que, por ventura, seja lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar: Se você está de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo, então basta preencher o formulário a seguir com os dados que lhe serão requisitados. Caso não esteja familiarizado com a Compra Coletiva, peço que leia tudo até final antes de preencher. O prazo limite para preenchimento do formulário é até dia 15/05 às 23:55 (Horário de Brasília). Após a data limite o formulário será fechado e nenhum outro pedido será considerado sem ser analisado pelos organizadores. Formulário: http://goo.gl/forms/hHpAMYnW1e Respostas: https://docs.google.com/spreadsheets/d/1xxBQ_XMhaYF2gSOWxoCBEXycpX8HD4aJDGitXCNY5To/edit?usp=sharing 1.2 Previsões e Prazos: Os cafés deverão chegar em Belo Horizonte até o dia 27/05 e somente então os pedidos serão separados e remetidos. A previsão inicial é que todos os cafés tenham sido remetidos até o dia 10/06. 2- Os Cafés 2.1 MG/ Faz. Mantissa: Este é um grande conhecido do Clube do Café. Na última compra fomos presentados com o 5º colocado do Cup of Excellence e desta vez eles separaram para a gente outro bom café. Mesmo que não se encontre no mesmo nível do anterior, este café ainda se destaca e é nítido o terroir da região. Quem conhece os cafés da fazenda vai reconhecer imediatamente que se trata de um similar. É um natural, que segundo os próprios avaliadores da fazenda, bebeu 86,7pts. Os organizadores da Compra Coletiva provaram do café e a escolha dele foi unanime. Em uma das torras foi possível identificar notas de frutas amarelas e finalização para Maracujá. Não é um café difícil de torrar e dificilmente uma torra dele ficará ruim. Altamente recomendado para iniciantes na arte da torra doméstica. Segue Resumo: Fazenda Mantissa - Lote BE136 Poços de Caldas/MG Montanhas do Sul de Minas Altitude: 1.260m Variedades: Catuaí Amarelo Processo: Natural Valor da Saca: R$ 1800 + 145,49 frete Quantidade disponível: 90kg Valor Final por Quilo: R$ 31,60 + 3,00 = R$ 34,60 2.2 BA/ Sítio Boa Vista – Eufrásio Este produtor é novo nas compras, mas não novo no Clube, alguns membros já devem ter tido oportunidade de provar dos cafés dele pela W&S. Provamos dois lotes e um foi selecionado. É um café lavado, fermentado em tanque por 24hrs. O aroma desse café após torrado é inebriante. Além disso, apresenta um perfil sensorial bem complexo e balanceado. É um café um pouco complicado de torrar, não recomendado para iniciantes. Sítio Boa Vista - Eufrásio - Lote 11 Barra do Choça/BA Planalto da Conquista Altitude: 980m Variedades: Catuaí Amarelo Processo: Lavado 24hrs Colheita: Outubro 2015 Valor da Saca: R$ 1900 + ICMS +195 frete Quantidade disponível: 90kg Valor Final por Quilo: R$ 39,20 + 3,00 = 42,20 2.3 ES/ Brejetuba: Outro café novo no clube. A ideia era pra ser um café com um bom custo benefício. Acontece que, apesar do preço mais baixo, ele está praticamente no mesmo nível dos outros dois. É um café que vem de uma parceria dos organizadores com um Coffee Hunter daqui de BH, o mesmo que buscou o Fazenda Boa Sorte na última compra. Um café para aventureiros, pois possui um perfil sensorial complexo: frutado, com uma doçura intensa, acidez incomparável e corpo alto. Só tem uma coisa que falta nesse café... e essa coisa chama humildade (não confunda com umidade)!!! Nele é tudo intenso. Beber esse café é fazer parte de uma experiência sensorial extraordinária. Não é um café que indicamos para os mais conservadores ou para os que fazem caretas quando tomam um café ácido. Segue resumo: Fazenda Santa Clara - Brejetuba/ES Produtor: Edmar Zuccon Altitude: 1050m Processo: Lavado Variedade: Catuaí Amarelo Valor da Saca: R$ 1500 já com frete incluso Quantidade disponível 90kg Valor Final por Quilo: R$ 25 + 3,00 = 28,00 3- Pagamento Após a data limite para preenchimento do formulário, a organização entrará em contato com cada praticante passando os dados bancários para transferência, assim como o valor completo: Café + Frete. O pagamento é à vista e mediante a uma transferência bancária para uma conta no Banco do Brasil ou via PayPal. Assim que a transferência for confirmada, será colocado um OK na planilha avisando que o pagamento foi confirmado. 4- Envio O envio será feito logo após a confirmação do pagamento e dentro dos prazos estabelecidos em 1.2. Uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte é o Envio Coletivo. Ao invés de fazer remessas individuais para várias pessoas da mesma cidade, os membros regionais se organizam para que o envio seja feito para um representante local e essa pessoa fica encarregada de distribuir localmente os cafés. Caso opte por essa opção, você deverá de marca-la no preenchimento da planilha. 5- Agradecimentos Um grandíssimo obrigado aos colegas e membros que estão sempre nos apoiando com sugestões e críticas para melhorar cada vez mais nossas Compras Coletivas. Em especial, ao Luís daqui BH, ao Rafa Rocks e o pessoal de Goiânia, e ao grande Mestre Torres. ao Vinícius, filho do Eufrásio, com quem negociamos a saca; ao amigo Renato barista daqui de BH que nos apresentou mais um café e que está nos ajudando na intermediação da negociação; à Guiga, representante de vendas da Faz. Mantissa, que, mais uma vez, foi tão solicita com relação aos nossos pedidos. Guiga, você é nota mil!! Cordialmente, Equipe Compra Coletiva
  10. E aí galera, Alguém usou ou usa o Roastmaster para iPad / iPhone? Baixei na semana passada e ontem finalmente tive um tempo para testar. A versão do iPhone fica meio apertada para a telinha do aparelho, mas no iPad é bem confortável. Gostei muito do aplicativo. É possível cadastrar desde os fornecedores de grãos até fazer inventário dos grãos crus, registrar sessões de cupping, montagem de blends, etc. Mas o que achei mais bacana mesmo é o módulo de torra. Ele permite inserir parâmetros completos para a torra (temperatura e umidade ambiente, peso dos grãos antes e depois, nível visual e Agtron da torra, parâmetros do torrador utilizado, etc.) Permite também montar curvas e perfis de torra, tanto antes quando em tempo real, mesmo para quem não tem uma interface data logger, como eu. Através de uma interface simples pode-se inserir rapidamente as temperaturas lidas em um termômetro qualquer em intervalos de tempo e com isso ele vai montando a curva. Eu testei ontem com a pipoqueira e consegui inserir mais de 20 pontos de controle, bem bacana. Segundo o desenvolvedor o software utiliza o histórico das torras anteriores para prever o tempo e resultado da torra atual, sendo que as torras melhor avaliadas pelo usuário são as que tem maior peso relativo na estimativa. Isso não testei ainda porque só fiz uma torra até agora, mas achei bem bacana. Fica a dica. Quando tiver mais tempo usando pretendo colocar impressões mais detalhadas sobre o aplicativo. Custa 9.99 dólares na App Store. Abraços, Leo
  11. Mostre a sua Torra

    Salve Galera Afim de todos aprenderem mais sobre a torra, que tal cada um mostrar seus resultados em fotos e dizer qual grão utilizou, temperatura e tempo da torra? abs a todos
  12. [VENDIDO] Fresh Roast sr500

    VENDIDO! Bom dia Galera, Em abril, adquiri esse torrador de café - Fresh Roast sr500. - quando fui viajar para os EUA. Gostei bastante e tal, realmente torrar com ar quente é muito diferente do que torar com forno ou fogo. Para quem gosta de torras claras ou medias, acredito que seja o ideal Estou vendendo essa belezinha por que não estou usando e acredito que alguém que tenha tempo para usar pode aproveitar muito mais do que eu. Estou tomando Nespresso ultimamente devido a comodidade e falta de tempo. Segue informações do Torradorzinho 120v 1600w 60hz Se usei 10x foi muito; Em perfeito funcionamento; Possui Chaff Colector!!!!! Quem comprar leva um fundinho de Unique Frutado 2013 Investimento: R$1300 + Frete (Sou de Americana, São Paulo) Fotos - https://drive.google.com/open?id=0B6RNb0CcNDP9fkVWNFpPUjdYZFZnUTlEM095TFA2MXAtVUxNaVVPdU12Vmtoa3V6Q1pMdGc
  13. Olá colegas Home Roasters, é com grande prazer que dou abertura para a nossa segunda Compra Coletiva de 2015, a última da safra 2013/2014. Como teremos vários novos membros do clube que irão participar da Compra pela primeira vez, irei explicar bem detalhadamente o que é e como funciona. ---- Índice: 0- Introdução 0.1 O que é a Compra Coletiva 0.2 E quem lucra com isso? 0.3 Riscos 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar 1.2 Previsões e Prazos 2- Os Cafés 2.1 Fazenda Ninho da Águia 2.2 Sítio Santa Rita 2.3 Faz. Ouro Verde 3- Pagamento 4- Envio 5- Agradecimentos ---- 0- Introdução 0.1- O que é a Compra Coletiva: Comprar grãos crus de qualidade e em poucas quantidades é uma tarefa árdua e dispendiosa. Desta forma, a solução mais simples é a união. A Compra Coletiva é na realidade um esforço coletivo, onde nos unimos para comprar bons cafés verdes, em grandes quantidades e a preços mais acessíveis, tentando valorizar, quando possível, a negociação direta com o produtor e o Comércio Justo. 0.2- E que lucra com isso? A Compra Coletiva não tem fins lucrativos, porém é evidente que há custos operacionais envolvidos, como ligações interurbanas para negociar os cafés, embalagens, caixas e gasolina para transportar as encomendas até os Correios. É complicado estimar o quanto está sendo gasto em cada compra, mas posso afirmar que só tive prejuízos até hoje. Não acredito que eu tenha que bancar todos esses custos sozinho, por isso acrescentarei em cada quilo de café um valor de ajuda de custo de R$ 1,00. 0.3- Riscos: Há riscos envolvidos na compra e como não há ninguém lucrando com todo o processo, o risco é de responsabilidade de cada participante. Digo isso, pois na última compra coletiva uma das encomendas atrasou bastante e a pessoa que iria receber os cafés ficou me pressionando. No fim o café acabou chegando, mas isso me alertou para o seguinte fato: não é minha responsabilidade restituir o valor pago caso a encomenda seja perdida pelos correios. É claro que acreditando na união que temos aqui no Clube, tenho certeza que haverá um esforço coletivo para ajudar ao máximo a pessoa lesada. 1- A Compra Coletiva 1.1 Como Participar: Se você está de acordo com os riscos envolvidos e com o valor a ser acrescentado em cada quilo, então basta preencher o formulário a seguir com os dados que lhe serão requisitados. Caso não esteja familiarizado com a Compra Coletiva, peço que leia tudo até final antes de preencher. O prazo limite para preenchimento do formulário é até dia 13/06. Formulário: Encerrado! Respostas: Removido! 1.2 Previsões e Prazos: De acordo com minhas previsões, todos os cafés estarão comigo até o dia 26/06. Somente a partir do dia 29/06 é que começarei a despachar as encomendas. 2- Os Cafés 2.1 Faz. Ninho da Águia: Este café não precisa de apresentação. Quem já provou sabe do que estou falando. Dessa vez o Clayton separou para gente um Blend que foi colhido no final de Setembro. Segundo ele é um café para mais de 84pts. Não tive oportunidade de experimentá-lo ainda, mas conhecendo o Clayton e a Faz. Ninho da Águia, imagino que não haverá decepções: Fazenda Ninho da Águia - Frutado Carmem Miranda Alto Caparaó/MG Matas de Minas Altitude: 1.100m ~ 1.400m Variedades: Catuaí Vermelho e Catuaí Amarelo Processo: Natural Produtor: Clayton Valor da Saca: R$ 1.500,00 com frete e ICMS inclusos Quantidade disponível: 60kg Valor Final por Quilo: R$ 25,00 + 1,00 = R$ 26,00 2.2 Sítio Santa Rita/Café Campo Mistico: Este é o café do casal mais querido do fórum, que quando comercializado por eles saí com o nome Campo Mistico. São pessoas que valorizam o que fazemos aqui e acredito que devemos valorizar o esforço deles em produzir cafés de qualidade também. Esse café é o mesmo Mundo Novo da última Compra Coletiva, só que dessa vez é referente a um talhão diferente. É um café sombreado que ficou muito especial. Já tive oportunidade de torrar 4 batches dele e todos ficaram excepcionais. É um café muito doce, com corpo razoável, acidez média e notas bem características do cafés do SStR: chocolate, amendoas e nozes. Segue Resumo: Sitio Sta Rita de Cassia - Lote L1 ou Lote do Luke Bueno Brandão/MG Montanhas do Sul de MG Altitude: 1.100m Variedade: Mundo Novo Processo: Natural / Seco em terreiro de concreto Produtor: Valmor e Adriane Preço da Saca: R$1.500,00 com frete e ICMS inclusos Quantidade Disponível: o tanto que precisarmos! Valor Final por Quilo: R$ 25,00 + 1,00 = R$ 26,00 2.3 Faz. Ouro Verde: Este é o café que entrou aos 45min do segundo tempo. Uma boa oportunidade para conhecermos cafés fora do eixo MG/SP, pois se trata de um café baiano. Não cheguei a provar o café que o Cândido irá mandar, mas imagino que se seguir o mesmo padrão de seus outros cafés, será um espetáculo: Faz. Ouro Verde Piatã-BA Altitude: 1.300m Variedade: Catuaí Processo: CD Produtor: Cândido Ladeia Rosa Preço da Saca: R$1.800,00 com frete e ICMS Quantidade disponível: 60kg!!! Valor Final por Quilo: R$ 30,00 + 1,00 = R$ 31,00 3- Pagamento Após a data limite para preenchimento do formulário eu irei entrar em contato com cada um de vocês passando os dados bancários para transferência assim como o valor completo: Café + Frete. O pagamento é à vista e mediante a uma transferência bancária para minha conta no Banco do Brasil. Assim que eu confirmar a transferência eu colocarei um OK na planilha avisando que o pagamento foi confirmado. 4- Envio O envio será feito logo após a confirmação do pagamento e dentro dos prazos estabelecidos em 1.2. Uma possibilidade que utilizamos para driblar os altos custos do transporte é o Envio Coletivo. Ele funciona da seguinte forma, ao invés de fazer remessas individuais para várias pessoas da mesma cidade, os membros regionais se organizam para que o envio seja feito para um representante e essa pessoa fica encarregada de distribuir localmente os cafés. 5- Agradecimentos Como sempre gostaria de fazer alguns agradecimentos. Primeiro os amigos Valmor, Burny e Torres. Esses caras tão sempre me dando um grande suporte pelos bastidores Compra Coletiva. Em especial para o Valmor, que topou mais uma vez participar da compra com o café dele. Gostaria de agradecer também ao Clayton que tem se tornado um grande parceiro do Clube e ao Cândido, um grande futuro parceiro, assim espero... Att, Igor
  14. Torra na panela (frigideira)

    Salve pessoal, Depois de dois "destinatário ausente", hoje finalmente recebi o Chapadão de Ferro da compra coletiva. A pipoqueira já está encomendada, e deve chegar semana que vem. Mas não me agüentei e resolvi fazer uma torra numa pequena frigideira que tenho aqui, de chapa mais grossa de alumínio, sem muitas pretensões. Aí está a frigideira, e a quantidade que torrei: 50g de verde. Como referência de cor / aspecto, deixei um punhado de Bourbon Collection em cima do fogão, perto da panela. Comecei a torra em fogo alto, na boca pequena do fogão. Porém com 2-3 minutos já começou a "morenar" e criar a primeira fumaça. Achei melhor abaixar o fogo. O resto da torra seguiu então em fogo baixo. Durante toda a torra agitei constantemente os grãos, da seguinte forma: deixei a frigideira um pouco inclinada sobre a chama, de modo que o café acumulava na parte mais baixa. Então com uma colher (de sopa mesmo) eu ia pegando o café da parte mais baixa e jogando de volta p/ parte mais alta da panela. A curva da lateral ajudou muito neste procedimento. Com uns 5 minutos, tive o primeiro crack do primeiro crack. Mas não foi tão regular quanto eu esperava. Tanto que não consegui perceber quando terminou o primeiro e começou o segundo crack. Quando me dei conta a cor tinha passado um pouco do que eu queria, e botei o café p/ resfriar o mais rápido que pude. A torra se deu no total entr 10 - 11 minutos. Aí está o resultado final. Alguma coisa ente Full City + e Vienna, creio eu. No pequeno pires branco o Bourbon como referência. Coloquei o café num pote quase hermético (lata do Illy pré-moído), e vou esperar até sábado pra ver que bixo vai dar, e conto aqui. Eu achava que durante a torra a fumaça liberada já tinha o cheiro que tem quando a gente abre um pacote de torrado. Mas não. O cheiro é mais parecido com milho de pipoca que não estourou. O cheiro "do pacote" vai evoluindo no período de descanso após a torra. De vez em quando não resisto e vou lá abrir a lata .
  15. Home roasters desse nosso Brasil, uni-vos! Pessoal, de papo hoje com o Bruno na Academia do Café ele deu uma ideia interessante: fazer na Academia um campeonato de torra doméstica. Eles arrumam um grão bom pra gente, os home roasters levam cada um seu torrador, e vemos quem faz a melhor torra. O que acham? Fica a ideia, só juntar gente, combinar com o Bruno e marcar data.
  16. Aí galera, Esse post no Ensei Neto fala de uma tal régua que a ABIC criou e que reproduz as cores dos discos Agtron da SCAA. Para quem não conhece o sistema Agtron, este é uma forma padronizada de mensurar (aproximadamente) o nível de torra do café, com base na cor do pó, comparando-se este com o respectivo disco. Pelo que o Ensei falou dá para pedir (ou comprar, não sei) na ABIC. Considerando que o kit original de discos da SCAA custa mais de 500 Reais, possivelmente essa régua da ABIC deve ser bem baratinha, se não for de graça, mas acredito que somente um torrefador/produtor terá condições de conseguir com eles, dificilmente forneceriam para usuário final. De todo modo, se conseguíssemos ao menos uma régua dessas poderíamos reproduzir cópias coloridas. Os software e equipamentos atuais tem funcionalidades de correção de cor que permitem a reprodução sem distorcer as cores originais. Dessa forma teríamos uma ferramenta para trocar informações sobre pontos de torra, de maneira padronizada. Coloquei abaixo o link da tal régua. E então...alguém se interessa / se habilita?
  17. Assessoria de torra domestica

    Esse é um dos meus grandes sonhos com relação do CdC. Ficarei muito feliz no dia em que conseguirmos fazer algo parecido com o que o Jim e os demais membros do Team HB criaram no Home-barista.com. http://www.home-barista.com/home-roasting/have-your-home-roasts-assessed-t16329.html Caras como o Márcio, Alexandre, Ruston, Bruno e muitos outros do CdC poderiam contribuir para um projeto como esse. O que vocês me dizem? Abraços.
  18. Invenções Domésticas

    E ai voces que ja se sentem maluco criando torra domestica, que tal ver isto? http://www.sweetmarias.com/homemade-homeroasters.php Achou que estava sozinho ne!! kkk
×