bluecoffee

Senior Members
  • Content count

    11
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

4 Neutro

About bluecoffee

  • Rank
    Iniciado

Profile Information

  • Equipamento
    Vários :)
  1. Bom, eu resolvi o dilema. Acabei dando de presente a Mondial C08 para meu amigo e ficou simplesmente fascinado. Mas é porque ele adora o ritual o café. Ele entrou de cabeça no desafio de vaporizar o café no braço, já se inscreveu aqui no fórum, foi atrás de pitcher, etc. Tenho um outro amigo que foi ao contrário. Trocou uma Breville com bastão pra vaporizar por uma 3 em 1 automática. Talvez ele nunca acerte o café mas se deu conta que não tem saco para fazer todo o ritual.
  2. Concordo em gênero e grau contigo Bruno. Na minha opinião, você encerrou a questão.
  3. E optar por uma máquina nespresso ou de espresso tradicional é como torcer pro Corinthians ou Palmeira: duas coisas completamente diferentes Duvido que a capsula de nespresso profissional seja descontinuada em breve. Não há concorrência nesse ramo (não confundir com o sachê para uso doméstico que é amplamente copiado no mercado). Optar pelo Nespresso é se livrar do trabalho de preparar o café e dispensar o trabalho de um barista. Por outro lado, a margem operacional é menor já que o custo de cada cápsula mais a locação da máquina é algo bem significativo. Se você ainda terá que criar o hábito nos teus clientes para que apreciem um BOM café espresso, talvez uma máquina doméstica seja a opção. É uma questão da disposição tua em se tornar um barista, ir atrás de um café em grãos de boa qualidade, aprender a moer os grãos. Você só comentou só na máquina mas pensar em ter um moedor é até mais essencial. Dá pra ser virar no começo com uma Mondial ou Philco de 300 reais desde que você escolha um moedor cônico pra moer seu café na hora. Se for pra criar o hábito nos seus clientes, esse já será um grande salto se o café for bom. Como comentou o colega acima, use o moedor também para aperfeiçoar a técnica de café coado, para que os clientes tenham uma base de comparação com aquilo que fazem em casa. Taí meu pé de prosa pra um começo de oportunidade que poderá render muito.
  4. Fuja de Breville pra esse tipo de propósito comercial. A Tramontina tem dificuldade de peças no Brasil.
  5. ok. deixa eu ver se descubro algo sobre como termostato está ligado nesta cafeteira. claramente o sintoma está ligado ao aquecimento desse canal de vapor.
  6. Por enquanto não precisa desmontar. Felizmente eu nunca precisei desmontar a minha até o momento. A cafeteira é boa, dentro da sua faixa de preço, pra fazer café. A estrutura dela é boa e é uma cafeteira que dá pouco problema comparada com as demais. Joga no meu lixo se quiser, candidato não faltará pra ter uma cafeteira dessas. Afinal qual foi o resultado do teu teste? Sai vapor ou não? constante?
  7. Sinto dizer mas como este modelo foi descontinuado, a assistência técnica em geral não tem peças de reposição. Por isso estou me dando o trabalho de mostrar pra vocês as nuances desta cafeteira. Para que nós mesmos tentemos arrumar, se possível. Qual foi o resultado do teste afinal?
  8. Eu não uso a função do vaporizador porque acho o resultado muito artificial. Inclusive tive que procurar o compartimento de leite nas minhas gavetas pra poder fazer algumas experiências em cima do que relatam. Se vocês retirarem o compartimento de leite, verão que no fundo da cafeteria tem dois encaixes redondos, o da esquerda é pra fora e o da direita é pra dentro. O da esquerda é responsável por jogar o vapor; e o da direita é só uma proteção pra ter certeza que o compartimento de leite está encaixado e daí habilita os botões de capuccino/latte. O fluxo de vapor que é formado entre a saída da cafeteira e a saída pro copo forma um vácuo no tubinho branco que está ligado ao leite, permitindo a mistura pro latte/capuccino. A maior parte dos defeitos é algum tipo de vazamento nos encaixes ou tubos na parte de cima do compartimento, aonde está toda a canalização. Façam a seguinte experiência. Sem o compartimento de leite, peguem um par de lápis daqueles que tem borracha na ponta. enfiem o lápis pelo lado da borracha no furo da direita. E no tubo da esquerda enfiem levemente o outro lápis pelo lado do grafite para abrir a válvula de vapor (esse tubinho tem um circulo no meio que parece tampar o furo, na realidade é uma pequena válvula). Liguem a cafeteira até que todos os botões se acendam. liguem o botão de latte e confiram se sai vapor no furo da esquerda. O vapor tem que ser constante. Usem um lápis longo pra não se queimar ne... Se o vapor sair constante é porque o problema está na canalização nos vários tubinhos que tem no compartimento de leite. Se o vapor não sair constante, aí preciso saber mais do que acontece pra tentar descobrir o que pode ser - talvez o termostato.
  9. Pessoal, estava procurando esta cafeteria para dar de presente mas infelizmente este modelo de cafeteira foi descontinuado definitivamente. Os modelos que a Oster tem agora acho caras e também não me inspiram confiança: Primma Late II (cara) e a Oster Express (parecida com a Mondial C08). Estou pensando seriamente em pular pra Mondial C08...
  10. tava procurando teu vídeo mesmo O unico que faço a mais é aplicar esse princípio de termodinâmica pra dilatar o filtro de fora para que o filtro de dentro se solte com mais facilidade.
  11. Se for o filtro que fica dentro do cachimbo, ele entupiu. Ele é feito de duas partes, a parte de cima que tem vários furinhos e a de baixo com um furo só. Coloca só o filtro no congelador um pouco. Tira do congelador e colocar uns 3s na boca do fogão do lado que tem um furinho. Imediatamente bata ele numa mesa virado pra baixo. O filtro de cima (com os vários furinho deve se soltar. Dessa forma você vai conseguir limpá-lo por dentro. Essa mágica nada mais é do que dilatar a parte de fora do filtro pra que dê espaço que o filtro de dentro se solte...